quarta 21 de fevereiro de 2024Logo Rede DS Comunicação

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 34,90 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 21/02/2024
Envie seu vídeo(11) 4745-6900
Editorial

Mortes no trânsito

26 abril 2023 - 05h00Por editoracao

As mortes no trânsito são um dilema para governos municipais e estaduais. Dirigir embriagado, fora dos limites de velocidade e não respeitar a sinalização contribuem para aumentar o número de vítimas fatais.
Em São Paulo existe o sistema Infosiga que registra o número de mortes nas vias municipais e estaduais no estado.
O DS divulgou na edição desta terça-feira os dados da região Apesar do alto índice de vítimas no trimestre desse ano, o número é o menor da série histórica.
O Alto Tietê registrou 32 mortes no trânsito nos três primeiros meses de 2023. Este número é o menor no período desde 2015.
Desde o início do levantamento, o primeiro trimestre menos mortal na região havia sido o do ano passado, com 34 mortes. Desta vez, a redução em comparação com os outros anos foi ainda maior.
Pela primeira vez no balanço, o Alto Tietê teve média abaixo de 11 mortes por mês no primeiro trimestre, ficando com 10. A região chegou a registrar 56 mortes nos três primeiros meses em 2016. Foi o pior número da série histórica.
Apesar da redução no primeiro trimestre, o comparativo do mês de março deste ano com o do ano passado mostra ligeiro aumento no número de mortes, passando de 11 para 13 – aumento de 18%. No mês passado, foram seis mortes em Mogi, quatro em Itaquá, duas em Suzano e uma em Santa Isabel.
Para reduzir mais o número de mortes é necessário campanhas de conscientização e punições mais severas para os infratores.
No próximo mês se inicia o Maio Amarelo, período em que as Prefeituras realizam ações de conscientização para evitar acidentes e consequentemente mortes.
Em Mogi, por exemplo, realiza no dia 28 de abril o 1º Simpósio Trânsito e Segurança Viária. O evento será realizado das 9h às 17h, no Cemforpe e marcará o início das atividades do Maio Amarelo na cidade.
O 1º Simpósio Trânsito e Segurança Viária reunirá especialistas para discutir medidas para tornar o trânsito mais seguro. Serão apresentadas palestras e realizados debates sobre temas como a importância da educação no trânsito, a necessidade de investimentos em infraestrutura e tecnologia, além de exemplos de boas práticas em outras cidades e países.
A Secretaria Municipal de Mobilidade Urbana está planejando uma série de ações voltadas à Educação para o Trânsito durante o Maio Amarelo. Entre os destaques está o 3º Concurso de Mobilidade e Educação, promovido em parceria com a Secretaria Municipal de Educação. 
É importante que todas as prefeituras realizem ações não apenas no Maio Amarelo, mas durante todo o ano. Também é necessário uma punição mais severa para os infratores.