Envie seu vídeo(11) 97569-1373
Sintonize nossa Rádio101.5 FMClique e ouça ao vivo
Sábado 21 de Outubro de 2017

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 28 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 20/10/2017
mrv

Plano de Segurança

14 SET 2017 - 05h00
Neste ano, a proposta do Plano Nacional de Segurança Pública lançada pelo governo federal vai mirar na integração, coordenação e cooperação entre governo federal, estados e sociedade. Entre os pontos principais da proposta, estão a modernização do sistema penitenciário e o combate integrado às organizações criminosas. Também figuram como prioridades a redução do feminicídio e violência contra a mulher; a diminuição de homicídios dolosos e o combate integrado ao tráfico de drogas e armas. 
Tudo será feito em conjunto para que a União possa auxiliar na obtenção desses objetivos.
A execução do Plano começou em fevereiro pelas cidades de Natal, Aracaju e Porto Alegre. O ministro Alexandre de Moraes, esteve em Natal e Aracaju.
 
Em nível municipal, as cidades também estão se mobilizando na tentativa de reduzir as ocorrências de crimes.
A cidade de Poá, por exemplo, viveu momentos tensos nas últimas semanas com casos graves de homicídios e latrocínios em intervalos pequenos.
A sociedade poaense está preocupada com a situação da cidade, que, por muitos anos, chegou a ser a com menor índice de crimes do Alto Tietê.
 
O DS publicou na edição de ontem informação de que a Secretaria de Segurança Urbana realizará no sábado, às 15 horas, reunião para elaboração do Plano de Segurança Municipal Participativo. 
A atividade será realizada na Câmara e contará com a presença de autoridades civis e militares, representantes da indústria e comércio e sociedade civil organizada.
O evento terá uma abertura e depois será apresentada a metodologia para construção do plano. 
Após a introdução ao tema e capacitação dos presentes, será aberto um espaço para sugestões e perguntas para consolidar o trabalho. As autoridades civis e militares responderão os questionamentos e em conjunto trabalharão na elaboração das diretrizes e certificação.
 
Poá tem buscado alternativas para aumentar a segurança. É preciso haver um compromisso de trazer segurança para Poá e trabalhar diariamente por isso. 
 
É importante contar com o auxílio da população neste sentido. Nesta semana, o secretário de Segurança Urbana de Poá, Carlos Setsuo, convidou toda a sociedade civil, comerciantes e empresários para a elaboração do documento. Acrescentou que estão sendo realizadas ações de combate à criminalidade, que contam com bloqueios nas entradas e saídas, nas divisas com outros municípios e ainda o trabalho de equipes em diversos bairros e vias. 
A mobilização é importante, uma vez que é preciso garantir segurança para os milhares de moradores que vivem no local.

Leia Também

Últimas Notícias

Ver Últimas Notícias