sexta 01 de março de 2024Logo Rede DS Comunicação

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 34,90 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 01/03/2024
Envie seu vídeo(11) 4745-6900
Editorial

Projeto 'Escola Segura'

12 abril 2023 - 05h00

Suzano anunciou, nesta semana, a operação “Escola Segura”.
É uma forma de garantir mais segurança aos estudantes e professores.
O projeto consiste na visita de agentes da Guarda Civil Municipal (GCM) a todas as unidades da rede municipal de ensino. Para esta ação, equipes de todos os grupamentos vão participar para trazer mais tranquilidade à comunidade.
O DS trouxe reportagem na edição desta segunda-feira (10). De acordo com a Prefeitura de Suzano, a iniciativa foi criada para somar às outras já existentes que contribuem com a segurança nas unidades, como botão do pânico, alarmes e as mais de mil câmeras instaladas. Além de contribuir com esse aparato, a “Escola Segura” terá o poder de encurtar uma ação de intervenção caso seja necessária. Com os guardas próximos, a ativação de um botão de pânico ou qualquer outro alerta à Central de Segurança Integrada (CSI), ou diretamente à corporação, haverá uma resposta mais ágil e efetiva dada a localização dos agentes.
Atualmente, a segurança se tornou o principal critério na hora dos pais escolherem onde seus filhos vão estudar, segundo especialistas. Recentemente o último levantamento do Ibope mostra que 87% dos pais entrevistados responderam que priorizam a segurança na escolha de um colégio particular. A qualidade do ensino e a disciplina ficaram logo atrás, com 81% e 74%, respectivamente.
Mas como saber se uma instituição de ensino é, de fato, segura? Geralmente o primeiro pensamento que surge é se ela possui estruturas fortificadas, câmeras espalhadas pelas instalações e vigias nos locais de acesso. Entretanto, uma instituição de ensino segura é aquela que apresenta maior conhecimento dos seus fatores de risco e planeja sua segurança, não só com investimento em equipamentos e softwares, mas também na determinação de treinamentos e procedimentos, buscando atender às suas necessidades, conforme explicam especialistas.
Em Suzano, o acompanhamento diário dos guardas será atestado pela direção da unidade visitada, que ao final da atividade irá assinar um documento comprovando que determinada equipe esteve na escola promovendo a vistoria. As polícias Militar e Civil foram comunicadas dessa operação por parte da administração municipal.
Para aumentar ainda mais a segurança, não somente nas escolas, mas de forma geral em Suzano, a prefeitura vai convocar mais 40 candidatos aprovados no concurso público realizado no ano passado para a GCM. Para completar, ainda haverá a criação de um novo grupamento que ficará encarregado de promover rondas escolares.
Atualmente é indispensável o uso de medidas para manter a segurança nas escolas.
A escola tem uma grande concentração de crianças e adolescentes. Por isso, é necessário ter um cuidado dobrado nos prédios escolares.