sábado 20 de abril de 2024Logo Rede DS Comunicação

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 34,90 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 20/04/2024
Envie seu vídeo(11) 4745-6900
Editorial

Um lugar onde reclamar

07 setembro 2017 - 05h00
A Ouvidoria é um elo de comunicação entre a população e a administração municipal. Daí a sua importância. É nesse setor onde se recebe reclamações, denúncias, solicitações, sugestões e elogios.
Queixas e sugestões são encaminhadas aos setores da Prefeitura. Acompanha o desenrolar dos problemas, com todo o sigilo e dedicação, e cobra sua solução. 
 
Em Suzano, o DS publicou na edição de ontem reportagem sobre o número de queixas na Ouvidoria.
Buracos em rua, assuntos relacionados à saúde e iluminação pública estão entre as reclamações mais frequentes feitas pelos suzanenses na Ouvidoria da cidade. A reportagem mostrou que no primeiro semestre deste ano, o órgão recebeu 1.450 ligações. No mesmo período, a Ouvidoria recebeu 1.141 reclamações. Pelo menos 80% destas feitas ao setor são solucionadas. Os dados são da Controladoria Geral do Município.
 
De acordo com a pasta, além das 1.141 reclamações, o setor recebeu também 1.141 sugestões e 70 elogios. Por dia, são realizados em média oito atendimentos, sendo no mês, uma média de 176 assistências prestadas aos suzanenses. 
 
A pasta também destaca que além de receber reclamações sobre saúde, buracos e iluminação pública, atende munícipes com problemas relacionados à perturbação de sossego, poda e supressão de árvores. 
Desde março de 2017, as solicitações, reclamações, informações e elogios passaram a ser realizados de forma presencial, tais procedimentos devem conter os dados do munícipe solicitante e a narrativa da solicitação ou reclamação. 
 
No ato é providenciada a abertura de um processo administrativo, que é encaminhado para a pasta competente ao assunto solicitado. 
 
Muitas vezes, a Ouvidoria tem como principal finalidade aproximar o cidadão da administração pública, por meio da avaliação das manifestações registradas desses cidadãos sobre o serviço público municipal e encaminhá-los aos órgãos competentes. É papel, sobretudo, acompanhar e cobrar soluções rápidas e efetivas às instâncias municipais, e garantir informações e respostas ágeis. O contato deve ser personalizado, desburocratizado, colaborando para a melhoria do atendimento e prestação do serviço.
Também pode ser considerada uma central de relacionamento que une o cidadão, o servidor público e a Prefeitura. Por tudo isso tem uma efetiva importância para a sociedade municipal.