Envie seu vídeo(11) 97569-1373
quinta 12 de dezembro de 2019

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 28 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 11/12/2019

Zona Azul em questão

15 JUL 2019 - 23h59
O estacionamento rotativo da Zona Azul é composto por vagas de estacionamento regulamentadas e pagas, localizadas nas vias e logradouros públicos, disponíveis para os usuários, muitas vezes, por meio de aplicativos de celular e pontos de venda.
Especialistas afirmam que este tipo de estacionamento contribui para a melhoria, ordenamento e democratização do uso do espaço público, promovendo a rotatividade do uso de vagas de estacionamento e possibilita que um número maior de veículos utilizem as vagas de estacionamento, resultando em menor tempo de procura e, consequentemente, melhor fluidez do trânsito.
Em Suzano, o sistema vem sendo realizado, mas vez outra, motoristas sugerem melhorias.
Na edição da semana passada, o DS publicou reportagem mostrando que os motoristas de Suzano pedem por um tempo estipulado de cinco a dez minutos para estacionar nas vagas destinadas ao estacionamento rotativo, Zona Azul, antes de saírem dos veículos para que possam adquirir o talão. 
Ou seja, um tempo sem a colocação do cartão.
Na situação dos motoristas, quando eles estacionam o carro em alguma vaga e não possuem o talão, devem sair do veículo e procurarem algum funcionário ou podem adquirir o talão em algum estabelecimento. 
Contudo, neste tempo, quando eles retornam aos veículos encontram uma notificação. Sendo assim, eles reivindicam por um tempo mínimo para poderem realizar este processo.
De acordo com a Secretaria de Transporte e Mobilidade Urbana, o estacionamento controlado (Zona Azul), "regulamentado pela Lei Complementar nº 268/2015 busca garantir o uso democrático das vagas de estacionamento em vias públicas de grande circulação. 
Embora a lei não determine período de tolerância para uso das vagas, garante a possibilidade de regularização em caso de irregularidade".
A pasta ainda afirma que atualmente o modelo tem se mostrado adequado e pode ser adquirido via online, pelo aplicativo, já que utiliza sistema eletrônico, e também pelo talão, de forma física. 
A Zona Azul tenta garantir a disciplina do sistema e a obediência das regras de estacionamento. A cobrança é realizada pelos agentes de trânsito nas ruas, responsáveis pelo atendimento e cobrança.
O sistema tenta também garantir uma organização maior no sistema de trânsito da cidade.
Mas, muitas vezes acaba recebendo sugestões por conta do tempo de tolerância que não existe.
A expectativa é de que o sistema possa ser aprimorado a cada ano.

Leia Também

Últimas Notícias

Ver Últimas Notícias