segunda 20 de maio de 2024Logo Rede DS Comunicação

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 34,90 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 19/05/2024
Envie seu vídeo(11) 4745-6900
Nacional

Da África para a mesa: A influência africana na culinária brasileira

Dona Carmem Virginia do restaurante Altar Cozinha Ancestral fala da influência da herança Afro na gastronomia nacional

04 abril 2024 - 14h52Por De Divulgação

A África é um continente rico em cultura, tradições e, claro, culinária. A diversidade de pratos, ingredientes e modos de preparo presentes em diferentes partes do continente africano é imensa e fascinante. Ao longo da história, os negros trouxeram consigo para o Brasil essa rica bagagem cultural, incluindo suas técnicas de preparo e sabores marcantes.


Segundo Carmem Virginia, sócia do Altar Cozinha Ancestral, "A comida africana é uma mistura de sabores intensos e ingredientes variados, que refletem a diversidade cultural desse continente. Essa influência foi fundamental para a formação da culinária brasileira", conta.


Alguns dos alimentos trazidos da África para o Brasil se tornaram verdadeiros símbolos da gastronomia nacional. O acarajé, por exemplo, é um prato típico da Bahia feito com feijão fradinho, vatapá, caruru, camarão, molho de pimenta e azeite de dendê, que traz consigo toda a tradição africana em sua preparação.


Outro ingrediente fundamental é o leite de coco, presente em diversas receitas brasileiras, como sorvetes, doces e biscoitos. Rico em nutrientes e sabor, o leite de coco é um legado da culinária africana que conquistou paladares em todo o país.


O quiabo é outro exemplo de ingrediente africano que se tornou essencial na culinária brasileira. Versátil e saboroso, o quiabo é utilizado em saladas e refogados, trazendo um toque especial para os pratos.


Esses são apenas alguns exemplos da influência da África na culinária brasileira. A mistura de sabores, técnicas e tradições resultou em uma gastronomia única e saborosa, que celebra a diversidade cultural do nosso país.


A culinária afro-brasileira é um verdadeiro patrimônio cultural, que deve ser valorizado e celebrado. Ao reconhecer a importância da África na nossa mesa, honramos a memória e a herança dos nossos ancestrais, mantendo viva essa rica tradição culinária.