Envie seu vídeo(11) 97569-1373
sábado 17 de agosto de 2019

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 28 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 16/08/2019
PMMC - TRATA BRASIL
CENTERPLEX 15 A 21/08
COLUNA

Larissa Ashiuchi

É primeira-dama de Suzano, presidente do Fundo Social de Solidariedade e dirigente do Serviço de Ação Social e Projetos Especiais (Saspe)

Outubro Rosa, ainda dá tempo!

26 OUT 2017 - 05h00
Segundo o Instituto AC Camargo, referência brasileira no tratamento de câncer, só neste ano 58 mil mulheres vão ter câncer de mama e cerca de 17 mil terão câncer de colo de útero. A boa notícia é que as chances de sucesso no tratamento superam os 90% quando o câncer é diagnosticado precocemente. 
Esses dados deveriam levar todas nós mulheres às consultas médicas. Porém, infelizmente, não é isso que está acontecendo.
 
Estamos chegando ao fim do Outubro Rosa - uma campanha pública para levar todas as mulheres às clinicas para prevenir esse mal que nos mutila e nos mata. 
Segundo dados do Instituto Nacional do Câncer José de Alencar Gomes da Silva (INCA), em 2014 foram feitos exames de mamografia em apenas 24,8% das mulheres brasileiras, quando o recomendado pela Organização Mundial de Saúde (OMS) é de que pelo menos 70% da população faça o exame.
Isso mostra que precisamos reforçar a campanha, que precisamos usar todos os meios para levar as mulheres aos exames, que, inclusive, são gratuitos na rede pública de Saúde. Sei que às vezes eles demoram, não são feitos imediatamente, mas devemos insistir. Não podemos negligenciar. No Outubro Rosa, as Secretarias de Saúde de todos os municípios se preparam para providenciar os exames. Em Suzano não é diferente!
 
Devemos aproveitar essa última semana de outubro e correr atrás. Entretanto, se não der tempo, devemos correr atrás dos exames também em novembro ou dezembro. O que não podemos é deixar de fazê-los.
Com o passar dos anos, o Outubro Rosa vem se tornando um símbolo do orgulho de ser mulher. Da luta contra o machismo, contra a supremacia masculina e contra a nossa baixa autoestima. Ser mulher em 2017 é cuidar da saúde, lutar por igualdade de gênero e contra a violência a qual temos sido submetidas desde sempre.
 
Em Suzano, nós já temos uma excelente estrutura contra a violência à mulher, como a Delegacia da Mulher e nossa Patrulha Maria da Penha, que vem apresentando resultados muito expressivos na defesa física de nossas munícipes.
Mas ainda temos que avançar na nossa condição de cidadãs. Temos que lutar por salários iguais, por tratamento igualitário e por respeito.
 
Não há como encarar todas as frentes de nossas lutas sem saúde. Temos que cuidar da alimentação, praticar exercícios e fazer exames preventivos. Não podemos perder a luta para o câncer.
Tenho certeza que um grande número de mulheres já procurou as Unidades Básicas de Saúde (UBSs) e os centros especializados, mas informação nunca é demais. Toda cidadã que já fez os exames tem a responsabilidade de alertar e de informar as mulheres de sua família, as amigas e as vizinhas.
Vamos fazer nossas vidas cor-de-rosa, começando agora, em Outubro.
BANNER APS DESKTOP
ALLIANCE
ALLIANCE
PMMC - TRATA BRASIL

Últimas Notícias

Ver Últimas Notícias