segunda 15 de abril de 2024Logo Rede DS Comunicação

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 34,90 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 14/04/2024
Envie seu vídeo(11) 4745-6900
Destaque

Conferência de Assistência Social em Poá traz debates à Praça de Eventos

23 junho 2017 - 08h01

A Conferência de Assistência Social de 2017 “Garantia de Direitos no Fortalecimento do SUAS" continua hoje, das 8 às 17 horas, na Praça de Eventos. A abertura da atividade foi realizada na tarde de ontem, e contou com a presença de secretários municipais e representantes de entidades e da sociedade civil. Foram realizadas apresentações culturais e foi ministrada palestra do assessor nacional de Advocacy e ex-presidente do Conanda (Conselho Nacional dos Direitos da Criança e do Adolescente), Fábio José Garcia Paes. "Fico muito feliz e honrado de participar desta Conferência de Assistência Social. Desejo sucesso e resultados satisfatórios aos trabalhos. Essa atividade é o momento ideal para buscarmos e propormos soluções para realização de melhorias nos serviços oferecidos no município", comentou o secretário de Assistência e Desenvolvimento Social, Edevaldo Gonçalves. Também estiveram no evento os secretários de Indústria, Comércio, Emprego e Relações do Trabalho, Ricardo Massa; da Mulher, Jeruza Reis; de Segurança Urbana, Nobuo Aoki Xiol; entre outros. O presidente do Conselho Municipal de Assistência Social, Vidal Leonardo Puentes Cañon, comentou que a conferência é um momento importante para reunir a população e debater melhorias no Sistema Único de Assistência Social (SUAS). "A razão deste evento existir são as pessoas e ele é feito para elas. Será por meio do debate que vamos ouvir e melhorar o SUAS na cidade. Agradeço a todos que compareceram e que atenderam ao nosso chamado". Além de reafirmar o papel da Assistência Social como política garantidora de direitos e da urgente necessidade de dar visibilidade a esta contribuição para a sociedade brasileira, o tema da conferência traz os usuários para o centro do debate. Nesse sentido, a conferência dá continuidade à perspectiva adotada pelo II Plano Decenal de eleger os usuários, sua realidade de vida, direitos e demandas de acesso. De modo a favorecer os debates no processo conferencial foram organizados quatro eixos temáticos abordando a proteção social não contributiva, o princípio da equidade para a gestão dos direitos socioassistenciais, gestão democrática e controle social, acesso às seguranças socioassistenciais e a articulação entre serviços, a legislação como instrumento para uma gestão de compromissos e corresponsabilidades dos entes federativos para a garantia dos direitos socioassistenciais, dentre outros.