Envie seu vídeo(11) 97569-1373
Sintonize nossa Rádio101.5 FMClique e ouça ao vivo
Terça 21 de Novembro de 2017

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 28 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 21/11/2017
mrv

Convênio com Estado viabilizará sede do Corpo de Bombeiros em Poá

25 JUL 2015 - 08h01

 Uma sede do Corpo de Bombeiros será instalada em Poá. A informação foi passada ontem pela Prefeitura, após reunião realizada no período da manhã entre o prefeito Marcos Borges (PPS), secretários municipais e representantes do 2º SGB dos 17º Grupamento de Bombeiros de Suzano. Na oportunidade, o prefeito afirmou que a implantação terá início com a formulação de um convênio a ser assinado entre o município e o Estado nos próximos dias.

O trabalho para levar a Poá uma base do Corpo de Bombeiro é feito por meio das secretarias municipais de Administração, a qual tem à frente Adair Loredo, que reúne em seu currículo a implantação de dois projetos de mesmo cunho que foram viabilizados nos municípios de Itaquaquecetuba e em Ferraz de Vasconcelos; e a de Segurança, cujo secretário é Carlos Setsuo.

Para isso, além da reunião realizada, a Administração Municipal deu início ao estudo para elaboração do convênio com o Estado, conforme informou o secretário de Administração a Borges durante a reunião.

O município, que apresentou algumas opções em áreas para instalação do quartel, mostrou ontem um novo local, proposto pelo prefeito. "Muito sábia a ideia do prefeito em relação a esta área, situada às margens da Avenida Spencer Vampré, com ótima localização favorecendo o deslocamento da futura corporação, logisticamente com acesso rápido, o local é estratégico para nossas ações, que demandam tempo resposta como primordial para salvar vidas", comentou o secretário de Segurança. Ele apresentou o local aos Bombeiros, que, por meio de avaliação inicial feita pelo tenente coronel Jean Carlos de Araújo Leite e pelo capitão Reinaldo de Almeida do Nascimento, classificou a área como excelente para a instalação de um quartel, porém, ainda necessitará ser incluída e aprovada por meio do projeto proposto.

Com os avanços para a implantação, o convênio em elaboração, a ser formalizado ainda neste mês, e o grupamento previsto de acordo com as normas dos Bombeiros e que será integrado ao projeto, contará com uma equipe formada por 15 bombeiros públicos municipais, sendo eles funcionários efetivos de carreira (concursados), e a previsão do 2º SGB/17º GB é compor no quartel de Poá até seis bombeiros do Estado.

Leia Também

Últimas Notícias

Ver Últimas Notícias