Envie seu vídeo(11) 97569-1373
domingo 16 de dezembro de 2018

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 28 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 15/12/2018
MRV DEZEMBRO - 13º EM DOBRO

Revitalização no Baruel

07 DEZ 2018 - 23h59
Entre os pontos turísticos e históricos de Suzano está o vilarejo do Baruel e a Capela de Nossa Senhora da Piedade.
É parada obrigatória para o turista.
Motoristas que entram ou saem de Suzano, pela Índio-Tibiriçá, se deparam com a Igreja do Baruel. 
É um ponto turístico importante. 
Nesta semana, o DS publicou reportagem mostrando que as obras de revitalização da região do Baruel já estão sendo realizadas e completam 15 dias. 
O projeto, que é executado pelas Secretarias Municipais de Planejamento Urbano e Habitação e de Desenvolvimento Econômico e Geração de Emprego, tem o objetivo de ampliar a área no entorno da Igreja Baruel para torná-la um polo turístico, com a implantação do "Centro de Turismo do Baruel". 
A previsão para a conclusão dos trabalhos é de até 150 dias. 
Nesta primeira etapa, que consiste na requalificação da parte física em frente à Igreja, localizada na Praça Ernestina Maria de Jesus Bianchi, está sendo feita a remoção de parte do pavimento de paralelepípedos - que será reaproveitado em uma das entradas do local -, retirada do antigo asfalto da praça e compactação da sub-base para a implantação do assento do bloquete intertravado em toda a área, além da construção do estacionamento, aberturas das vias e implantação de guias e sarjetas.
Além disso, já foi iniciada também a reintegração de posse das famílias que estão em Áreas de Proteção Permanente (APP), que ficam às margens da Rodovia Índio Tibiriçá (SP-31). 
No total, quatro de oito famílias já foram transferidas do local, já que também estão em área de risco por causa da estrada. 
A área do Baruel possui 4,2 mil metros quadrados e mais 600 metros de extensão de rua. O objetivo da administração municipal com essas obras de melhorias na infraestrutura é também reforçar a importância do Baruel, que é o Marco Zero do município. 
O monumento é histórico e de grande relevância para Suzano. A Igreja do Baruel marca o início do povoamento do município e a chegada dos bandeirantes na região, por volta do Século XVIII, além de estar relacionada aos índios que antigamente a utilizavam como casa de reza. Atualmente a Igreja só abre uma vez por ano, durante a tradicional Festa do Baruel (Festa da Nossa Senhora da Piedade e Louvor ao Divino Espírito Santo), que acontece em setembro. As obras de revitalização serão, sem dúvida, muito importantes para preservar a história da cidade e também para garantir entretenimento aos suzanenses.

Leia Também

Últimas Notícias

Ver Últimas Notícias