quinta 23 de maio de 2024Logo Rede DS Comunicação

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 34,90 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 23/05/2024
Envie seu vídeo(11) 4745-6900
Copa do Mundo do Catar 2022

Richarlison faz 2 e Brasil vence na estreia da Copa do Mundo

Jogo foi marcado por faltas e muita marcação pelo lado da Sérvia; Richarlison fez os dois, sendo um de voleio. Neymar saiu de campo chorando

24 novembro 2022 - 16h47Por Fernando Barreto - da Redação

O Brasil ganhou de 2 a 0 da Sérvia na estreia da Copa do Mundo do Catar. Os gols foram marcados por Richarlison, no segundo tempo, sendo o segundo um golaço de voleio.

O jogo foi marcado por muita posse de bola do Brasil, muitas faltas cometidas pela Sérvia e linhas de defesa compactadas. O Brasil teve dificuldades de entrar na área, e conseguiu isso em pelo menos três oportunidades no primeiro tempo explorando os espaços entre as linhas de fesa. A Sérvia armou uma linha de 5 e outra linha de 4 defensores.

Primeiro tempo

O Brasil dominou o primeiro tempo. A Sérvia teve apenas 3 chances, mas nem levaram perigo. A seleção brasileira, logo aos 3 minutos, conseguiu em excelente jogada entre Vini Jr. e Raphinha, assustar os adversários, mas o lance morreu na zaga.

Nos primeiros minutos a Sérvia até ameaçou com marcação em cima, mas ao longo dos primeiros 45 minutos, caiu o rendimento e terminou a primeira etapa apenas na defesa.

Aos 9 minutos, em nova oportunidade de troca de passes entre as linhas, Neymar aparece sozinho na área, tenta driblar, demora para chutar e perde a bola.

O grande perigo da Sérvia era na rouba de bola, que aconteceu em três oportunidades no primeiro tempo, mas mais por culpa de erros do Brasil ao trocar passes. Ao roubar a bola a Sérvia conseguia inverter bem a bola e assustava a seleção brasileira. Os mais emblemáticos lances foram aos 24 e 36 minutos. Nos dois, a Sérvia cruzou na área após contra-ataque veloz, mas ficou fácil para Alisson.

Os dois lances mais perigosos do primeiro tempo foram a favor do Brasil. Primeiro com Vini Jr., aos 26 minutos, que recebeu enfiada de bola de Thiago Silva. O atacante sozinho na área, deixou a bola passar e o goleiro pegou.

A outra jogada foi aos 34 minutos, com Raphinha, que recebeu bola de Neymar, após troca de passes entre as linhas. O atacante brasileiro ficou cara a cara com o goleiro da Sérvia, mas chutou fraco, praticamente recuou a bola.

No finalzinho do primeiro tempo, o Brasil ainda conseguiu outro lance de perigo com Vini Jr., que após erro do zagueiro, que não conseguiu tirar a bola, o atacante chutou, mas a bola bateu na zaga e saiu.

A partida seguiu para o intervalo em 0 a 0.

Segundo tempo

Logo do retorno para a segunda etapa Raphinha perdeu pelo menos duas chances claras. Primeiro aos 7 minutos, quando o goleiro defendeu, e outro ao ter o chute interceptado pela zaga.

Aos 14 minutos os gols começaram a se desenhar. Alex Sandro chutou de fora da área, e a bola explodiu na trave. Quatro minutos depois, Neymar invade a área driblando, a bola sobra para Vini Jr. que chura rasteiro, o goleiro rebate para o meio e Richarlison faz.

Aos 22 minutos, quase o Brasil amplia, com Vini, que escorregou ao chutar. Ele estava sozinho na área.

Após o primeiro gol o Brasil relaxou e a Sérvia foi ao ataque. O técnico colocou Vlahovic, atacante da Juventus. Em lance perigoso após escanteio a Sérvia quase empata, mas a zaga tirou.

O Brasil seguiu errando passes, mas conseguia recuperar rápido também. E foi assim que nasceu o segundo gol. Aos 28 minutos, Vini Jr. perdeu a bola, mas recuperou. Em seguida deu passe de "três dedos" para Richarlison, que levantou a bola com o pé direito, girou e emendou um volei, sem chances para o goleiro. 

A decorrer do jogo, o Brasil administrou e Tite fez mudanças. O preocupante ficou para Neymar, que saiu chorando de campo, mas ainda sem mais informações. 

Tite testou Fred, que começou no banco; Gabriel Jesus no lugar de Richarlison; Antony no lugar de Raphinha; Rodrigo no lugar de Paquetá e Martineli no lugar de Vini Jr.

Ainda aos 35 minutos, Casemiro conseguiu chutar uma bola no travessão. 

Mas acabou assim. O Brasil volta a campo na próxima segunda-feira, contra Suíça, às 13 horas.

Deixe seu Comentário

Leia Também