quarta 21 de fevereiro de 2024Logo Rede DS Comunicação

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 34,90 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 20/02/2024
Envie seu vídeo(11) 4745-6900
Suzano na Superliga

Suzano Vôlei tenta digerir derrota para o Minas pela Superliga

Diante de 7 mil pessoas, equipe suzanense saiu derrotada por 3 sets a 1; time, no entanto, foi aplaudido ao final do jogo pelos presentes

20 abril 2023 - 18h07Por De Suzano

O Suzano Vôlei ainda tenta digerir a derrota para o Minas por 3 sets a 1 ocorrida na noite de quarta-feira (19) na Arena Suzano, que esteve lotada na partida que valeu uma vaga na final da Superliga de Vôlei.

Mais de 7 mil torcedores foram assistir ao duelo. Este foi o maior público desta edição do torneio, garantindo uma arrecadação superior a 4 toneladas de alimentos não perecíveis ao Fundo Social de Solidariedade.

A partida, válida pelo jogo de volta da semifinal, começou com duas vitórias dos mineiros nos sets iniciais, por 25 a 16 e 27 a 25. O Suzano Vôlei contou com o apoio dos torcedores para vencer a terceira parcial por 25 a 23, forçando assim um quarto set, vencido pelos visitantes pelo placar de 25 a 21.

O resultado, somado à vitória minastenista em Belo Horizonte, definiu a partida em 3 sets a 1, selando a classificação da equipe visitante à final da competição. O Suzano Vôlei terminou o campeonato entre os quatro melhores times, fato inédito para as equipes da cidade em mais de 15 anos.

Um show à parte

Mesmo com o resultado adverso, o espetáculo das arquibancadas foi marcado por muita paixão por parte dos presentes. Com bexigas, batecos e um bandeirão, o show da torcida foi o destaque da noite, marcando o maior público desta edição da Superliga Masculina. Três dos recordes anteriores também haviam sido registrados na arena suzanense nas partidas contra Sesi (4,5 mil) e Sada Cruzeiro (5 mil), na primeira fase do torneio, e no duelo de quartas de final disputado no dia do aniversário de emancipação político-administrativa de Suzano, contra o Vedacit Vôlei Guarulhos (5 mil).

O evento também foi palco para a solidariedade dos presentes, que puderam acompanhar a decisão mediante a entrega de um quilo de alimento não perecível, incluindo arroz, feijão, óleo e outros mantimentos. Menores de 16 puderam entrar gratuitamente mediante a entrega de um ingresso físico o de um QR Code gerado no site oficial do Suzano Vôlei e, mesmo com este condicional, foram arrecadadas mais de quatro toneladas de alimentos ao Fundo Social, que destinará os itens às famílias em situação de vulnerabilidade.

A presidente do órgão, a primeira-dama Larissa Ashiuchi, constatou que a parceria com o Suzano Vôlei proporcionou mantimentos para muitas pessoas do município ao longo dos últimos meses. “Ficamos muito contentes com a identificação do time com a nossa cidade, o que felizmente proporcionou grandes volumes de alimentos a cada partida. Só hoje foram mais de quatro toneladas e esperamos manter essa parceria para a próxima temporada”, disse.

O prefeito Rodrigo Ashiuchi agradeceu a presença dos torcedores e ressaltou que a Arena Suzano vem garantindo seu posto como um dos principais centros multiusos de todo o Alto Tietê. “Temos uma história inigualável no voleibol e esse espírito vem sendo retomado. Nossa Arena consolida-se como a casa das grandes emoções com o Suzano Vôlei e, cada vez mais, como um palco multiuso pois, em breve, o equipamento receberá as atrações da segunda fase da ExpoSuzano, que celebrará a história da nossa cidade”, pontuou.

Por fim, o chefe do Executivo suzanense parabenizou a equipe dirigida pelo técnico Marcos Miranda, o Marcão, pela campanha que levou Suzano às semifinais do maior campeonato do Brasil em sua temporada de retorno à elite. “O peso da camisa de Suzano e a qualidade dos jogadores, aliado à paixão do nosso povo que, jogo após jogo, lotou a Arena para empurrar a equipe, foi determinante para conquistar esse destaque. Em nome de toda a cidade, eu parabenizo o grupo pela grande campanha nesta temporada, e espero que o time alcance voos ainda altos daqui para frente”, concluiu.