Envie seu vídeo(11) 97569-1373
domingo 16 de junho de 2019

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 28 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 15/06/2019
PMMC UPA JUNDIAPEBA
CENTERPLEX 13 A 19/06
PMMC AGASALHO
PMMC JUNHO VERDE
Polícia

Após discussão com vizinha, mãe e filha são esfaqueadas em Itaquá

Uma das vítimas registrou um corte no nariz - perdeu um pedaço do membro - e outro superficial na nuca

Por de Itaquá28 MAI 2019 - 12h18
Corte que uma das vítimas levou próximo ao pulmãoFoto: Divulgação
Uma cabeleireira e a filha foram esfaqueadas após discutirem com uma vizinha em Itaquaquecetuba. A mãe sofreu dois cortes: um na região do pulmão e outro, mais profundo, próximo a coluna vertebral. Já a filha registrou um corte no nariz - perdeu pedaço do membro - e outro superficial na nuca. O caso aconteceu no último sábado (25).
 
De acordo com a cabeleireira, a agressão ocorreu após uma discussão. "No início da tarde, a vizinha estava brigando com uma senhora, de 60 anos, que também mora próximo. Quando chegou á noite ela xingou minha filha, que fazia aniversário no dia e chegava com alimentos do mercado para fazermos uma festa", comentou.
 
Após minutos de discussão, a vizinha entrou para casa. Depois de 40 minutos ela saiu em direção ao salão de cabeleireiro da vítima. "Neste momento, ela veio com o marido e com outros quatro filhos pequenos dela. Começou uma nova discussão e ela deu um tapa na cara da minha filha, que partiu para cima dela", relatou.
 
A mãe tentou defender a filha, mas o marido da agressora deu um soco na nuca dela e a empurrou. "Quando meu genro separou a briga, vi que a vizinha estava com uma faca na mão. Ela percebeu que eu vi e saiu do local. Levei duas facadas e não sentida nada", contou a cabeleireira. 
 
A filha levantou o rosto com o nariz ensanguentado. Ela levou uma facada na região e perdeu pedaço do membro. Depois disso, a mãe também percebeu que havia sofrido duas facadas. 
 
As vítimas foram socorridas pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) para o Hospital Santa Marcelina. A filha ainda recebe atendimentos médicos na unidade de saúde.

 

Leia Também

Últimas Notícias

Ver Últimas Notícias