quarta 21 de fevereiro de 2024Logo Rede DS Comunicação

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 34,90 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 20/02/2024
Envie seu vídeo(11) 4745-6900
Polícia

Homem atira contra guardas, mas é preso ao fugir pela mata

Ação envolvendo os disparos de armas de fogo ocorreu no Jardim Leblon; além deste caso, outros três foram atendidos pela Guarda Civil no mesmo dia

18 fevereiro 2023 - 05h00Por Fernando

Um suspeito foi preso durante a noite desta quinta-feira (16/02), no bairro Jardim Leblon, após efetuar disparos contra os agentes da Ronda Ostensiva Municipal (Romu), da Guarda Civil Municipal (GCM) de Suzano, ao perceber que seria preso por estar conduzindo uma motocicleta Yamaha Lander roubada. O homem, na companhia de um passageiro, estava sem capacete, o que despertou a atenção dos guardas, entretanto, antes da abordagem, eles abandonaram a moto e um deles começou a efetuar os disparos contra os agentes, mas sem atingir os integrantes da GCM.

Outros guardas foram acionados para encontrar a dupla, que seguiu em fuga para dentro da mata. Apesar das circunstâncias desfavoráveis, a GCM conseguiu conter o suspeito armado e a situação foi controlada com sua prisão, mas o garupa conseguiu escapar. A motocicleta foi apreendida e deve ser devolvida ao real proprietário.

Além desta ocorrência, a GCM participou de outras três que resultaram em prisões de suspeitos, apreensões de máquinas caça-níquel e entorpecentes no Jardim Colorado no centro da cidade. Todos os casos foram registrados na Delegacia de Polícia Central.

Mais cedo, a Guarda de Proteção Ambiental (GPA), durante patrulhamento pelo Jardim Colorado, avistou uma movimentação que aparentava envolver o tráfico de drogas na rua Jeca Tatu e se dirigiu na direção de um suspeito. Ele tentou fugir assim que a viatura se aproximou, mas foi detido instantes depois. Durante a fuga frustrada, ele deixou cair uma sacola com mais de cem papelotes de cocaína, que foram apreendidas.

Outro ocorrência atendida pelo GPA ocorreu na mesma rua, em um bar que abrigava máquinas de jogos de azar. Os agentes desconfiaram da movimentação de frequentadores no estabelecimento e se aproximaram do local. Algumas pessoas tentaram se esconder, mas as máquinas caça-níquel foram identificadas e o responsável foi levado à delegacia, onde foi lavrado um Termo Circunstanciado (TC). Ele foi liberado, mas terá de comparecer a uma audiência no Fórum de Suzano em data a ser marcada.

Ainda Colorado, no fim da tarde desta quinta, a Romu, conseguiu apreender mais de mil porções de drogas em patrulhamento pela rua Germano Fiamini, no final da tarde. Ao avistar uma localidade suspeita por tráfico de entorpecentes, os agentes se aproximaram para realizar averiguação. As pessoas que ali estavam se evadiram, mas as drogas foram encontradas. Havia 159 invólucros de cocaína, 475 pinos de crack e 375 papelotes de maconha.

Por fim, na última ocorrência do dia, o GPA recebeu denúncia de que um homem teria quebrado os vidros de uma agência bancária da rua General Francisco Glicério, no centro da cidade. Quando os agentes chegaram, o indivíduo ainda estava lá e, segundo os guardas, ele teria confessado ter destruído o acesso ao banco. Levado para a delegacia para prestar depoimento, ele ficou em silêncio.

Jardim Cacique

Afora os casos desta quinta-feira, o grupamento do Canil capturou dois indivíduos por tráfico de entorpecentes no Jardim Cacique na tarde da última terça-feira (14/02). Na ocasião, os agentes estavam em patrulha quando uma denuncia de moradores alertou o efetivo sobre uma suposta negociação de venda de drogas na rua João Batista Gava. No local, a guarnição contou com apoio do Grupamento de Proteção Ambiental (GPA) para abordar os suspeitos e encontrar 104 papelotes de cocaína, 21 de maconha, além de R$ 165.

Para o secretário interino de Segurança Cidadã, Afrânio Evaristo da Silva, a GCM está atuando de forma eficiente em inúmeros bairros, contribuindo com a contenção de crimes diversos de forma simultânea. “Nossas equipes estão espalhadas pelo município e conseguimos identificar as situações suspeitas no momento em que estão acontecendo. Mesmo em casos onde há disparos de armas de fogo, nossos agentes mantiveram a calma e contornaram a situação, sem deixar feridos. Nós estamos fazendo um trabalho eficiente para que a população tenha segurança e aqueles que estão praticando delitos sejam pegos e punidos, conforme a lei determina”, destacou o chefe da pasta.