Envie seu vídeo(11) 97569-1373
Sintonize nossa Rádio101.5 FMClique e ouça ao vivo
Segunda 23 de Outubro de 2017

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 28 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 22/10/2017
mrv
Acidente

Jornalista morre atropelado na Rodovia Ayrton Senna em Itaquaquecetuba

Polícia Civil trata caso como homicídio culposo na direção de veículo automotor (quando não há intenção de matar)

Por Marcus Pontes - De Itaquá15 SET 2017 - 15h38
Jornalista arrumava o carro, quando foi atropelado por caminhão na Ayrton Senna, em ItaquaquecetubaFoto: Divulgação

O jornalista Erik Malaquias da Silva, de 33 anos, morreu após ser atropelado nessa sexta-feira (15), na Rodovia Ayrton Senna (SP-70), em Itaquaquecetuba. A versão apresentada pela Polícia Rodoviária Estadual (PMRv) é que a vítima foi atingida por um caminhão, que fugiu depois do acidente. Silva trabalhava como editor de imagens da Rede Globo, em São Paulo.

O atropelamento ocorreu por volta das 5h10. A policia foi avisada sobre o acidente minutos depois. No local, os policiais encontraram o corpo de Silva. O carro da vítima estava metros à frente. A suspeita é que o veículo tenha quebrado e, por isto, o jornalista teria descido para tentar consertá-lo. 
 
Na versão apresentada à Polícia Civil, os policiais rodoviários disseram que uma pessoa - não identificada - viu o jornalista e o identificou como funcionário da Rede Globo. 
 
Depois do acidente, a perícia foi chamada e encontrou peças do que acredita-se ser de um caminhão. O veículo pesado não foi localizado. Depois dos trabalhos, o corpo da vítima foi encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML) de Suzano. 
 
Nas redes sociais, o jornalista mudou o status para casado em junho deste ano. 
 
Investigação
 
A Polícia Civil investigará o caso. Imagens de monitoramento deverão ser colhidas para tentar identificar o caminhão que atingiu e matou o jornalista. 
 
 

Leia Também

Últimas Notícias

Ver Últimas Notícias