sábado 15 de junho de 2024Logo Rede DS Comunicação

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 34,90 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 15/06/2024
Envie seu vídeo(11) 4745-6900
Polícia

Polícia Civil investiga possível ataque a estudante e apreende objetos em Poá

A princípio, o adolescente de 17 anos é investigado por ameaça

21 março 2019 - 14h50Por Marcus Pontes - de Poá

A Polícia Civil de Poá cumpriu nesta quinta-feira (21) mandado de busca e apreensão contra um adolescente, de 17 anos. Ele é investigado por um possível ataque contra uma estudante na cidade. Objetos e itens, como máscaras, inclusive uma semelhante a utilizada pelos atiradores do massacre da E.E Raul Brasil, na semana passada, em Suzano, foram apreendidas na casa do jovem.

De acordo com o delegado Eliardo Amoroso Jordão, responsável pelas investigações, as buscas foram realizadas a partir de denúncia sobre ameaças sofridas por uma jovem. O relato trazia informações sobre a possibilidade do suspeito estar armazenando objetos semelhantes ao dos atiradores no massacre à Escola Estadual (E.E) Raul Brasil, no dia 13 deste mês, quando oito pessoas foram assassinadas a tiros e golpes de machadinha.

"A Justiça expediu mandado e cumprimos. Lá, a gente encontrou três máscaras, sendo uma dela igual ao de um dos atiradores da tragédia em Suzano, além do que recolhemos o computador e o celular deste jovem", explicou o delegado, que não pôde dar mais detalhes quanto ao caso, em razão do inquérito seguir sob sigilo. 

Segundo Jordão, os dispositivos eletrônicos serão analisados pela Polícia Científica. A expectativa é de que peritos possam analisar o histórico tanto do celular quanto do computador, tendo como um dos focos o possível acesso a Deepweb - uma espécie de internet mais obscura e que agrega fóruns de discriminação.

Deixe seu Comentário

Leia Também