domingo 25 de fevereiro de 2024Logo Rede DS Comunicação

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 34,90 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 25/02/2024
Envie seu vídeo(11) 4745-6900
Perseguição

Polícia prende três em flagrante após baterem carro contra viatura durante perseguição em Itaquá

Caso começou em Arujá e só terminou em Itaquaquecetuba; detidos teriam furtado carro

01 março 2023 - 19h56Por Daniel Marques - de Itaquá

Três homens foram presos em flagrante pela Polícia após jogarem uma viatura da Polícia Civil contra um poste após uma perseguição ocorrida na terça-feira (28) próximo à saída da Rodovia Ayrton Senna para a Estrada do Mandi, em Itaquaquecetuba.

A perseguição começou na Rodovia Mogi-Dutra, em Arujá, e só terminou quando os criminosos lançaram o carro em que estavam contra a viatura. Segundo o Boletim de Ocorrência, os policiais identificaram um veículo suspeito de estar envolvido em crimes de furto e deram sinal de parada, que foi desobedecida pelos três integrantes do carro.

Os policiais civis, então, iniciaram a perseguição e, por diversas vezes, de acordo com o Boletim de Ocorrência, os criminosos lançaram o carro contra a viatura, tentando atingir o veículo. Em determinado momento, na altura do acesso da Mogi-Dutra para a Rodovia Ayrton Senna, o passageiro que estava no banco da frente, segundo o registro, colocou a mão para fora. O movimento gerou suspeita nos policiais, que alvejaram o carro.

Neste momento, um dos criminosos abandonou objetos na rodovia e a perseguição continuou até que houvesse a colisão entre os dois carros que terminou com a viatura batida no poste.

Dois ladrões desceram do carro e se renderam, mas um terceiro – o motorista – tentou fugir, sendo capturado em seguida. Ele e um dos passageiros disseram que estavam baleados e, por isso, foram socorridos pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu).

Os policiais civis envolvidos na ocorrência não ficaram feridos. Um guarda municipal de Arujá foi até a delegacia informando que encontrou quatro módulos de ignição de carro e uma pedra. Os objetos, segundo o Boletim de Ocorrência, foram dispensados pelos criminosos e seriam utilizados para praticar os furtos.

O caso foi registrado na Delegacia de Arujá como associação criminosa, dano, resistência e tentativa de homicídio contra os policiais.