terça 23 de abril de 2024Logo Rede DS Comunicação

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 34,90 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 23/04/2024
Envie seu vídeo(11) 4745-6900
Polícia

Policial aposentado reage à tentativa de assalto e atira em bandidos em Mogi

Fato ocorreu nesse domingo (27), no bairro Rio Acima. Policial aposentado esperava o portão automático abrir, quando viu bandidos

28 agosto 2017 - 16h08Por Marcus Pontes - de Mogi

Um policial militar aposentado, de 52 anos, reagiu a um assalto e atirou em dois bandidos, em Mogi das Cruzes. Mesmo com a reação, o policial não pôde informar se conseguiu acertá-los. Um celular foi localizado no local do crime. A suspeita é de que pertença a um dos suspeitos. O caso será investigado pelo Setor de Investigações do 3º Distrito Policial (DP) de César de Souza.

O fato ocorreu nesse domingo (27), no bairro Rio Acima, na região do Distrito de César de Souza. O policial esperava o portão automático abrir, quando viu duas pessoas encapuzadas aproximar-se e comunicar o assalto. O agente de segurança reagiu e atirou duas vezes de dentro do carro.

A seguir, a vítima desceu do carro e encontrou um celular. A Polícia Militar (PM) foi acionada. Antes da chegada do apoio, o policial reformado viu um Ford Ecoescort, de cor branca, passar em baixa velocidade em frente ao condomínio. A hipótese levantada é que os ocupantes sejam os autores da tentativa de roubo na ocasião anterior.

Quando policiais militares chegaram ao local, a vítima entregou o celular, bem como informou a placa do carro que passou de forma suspeita em frente ao condomínio. Uma pesquisa foi realizada embasada na identificação do celular, tendo a confirmação de um endereço cadastrado.

A polícia investigou, mas não encontrou nenhuma pessoa. Além disso, os policiais levantaram informações sobre o carro e, também, não localizaram ninguém.

Em depoimento à Polícia Civil, o policial aposentado disse que os bandidos aparentavam ter entre 20 e 30 anos. O celular localizado deve passar por análise. Além disso, a arma do policial foi apreendida.