sábado 15 de junho de 2024Logo Rede DS Comunicação

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 34,90 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 15/06/2024
Envie seu vídeo(11) 4745-6900
Região

Conselho de Saúde aprova contas do governo Gian Lopes em Poá

Cidade tem registrado avanços na Saúde e de acordo com a Prefeitura, novas ações serão implementadas

06 março 2019 - 23h56Por de Poá
Mais uma prestação de contas do governo do prefeito Gian Lopes e do vice-prefeito e secretário de Saúde, Marcos Ribeiro da Costa, o Marquinhos Indaiá, foi aprovada pelo Conselho Municipal de Saúde. O último relatório apresentado pela administração municipal foi do 3º Quadrimestre de 2018, que também foi avaliado pelos vereadores durante audiência pública na Câmara. As avaliações positivas demonstram a seriedade com que o setor vem sendo tratado.
 
Poá tem registrado grandes avanços na Saúde e de acordo com o prefeito Gian Lopes, novas ações serão implementadas. “Pegamos uma grande demanda e estamos trabalhando muito para melhorar o setor. Nos próximos dias vamos entregar o novo Centro Municipal de Especialidades (Ceme) e em breve o Pronto Atendimento Infantil Saúde da Criança, além de diversas outras ações que estão sendo realizadas. Aos poucos estamos colocando a cidade nos eixos”, disse. 
 
O Relatório de Prestação de Contas apresentado por quadrimestre pela Secretaria de Saúde ao Conselho Municipal de Saúde demonstra o montante e fonte dos recursos aplicados; auditorias realizadas ou em fase de execução no período e suas recomendações e determinações; oferta e produção de serviços públicos na rede assistencial própria, contratada e conveniada. 
 
Segundo Marquinhos Indaiá, a Saúde tem recebido um olhar especial da administração municipal. “Fazer que o munícipe poaense tenha satisfação quanto ao atendimento é o grande objetivo. Queremos um trabalho de excelência, humanizado e transparente. Isso tem sido comprovado nas nossas reuniões no conselho, que é um órgão extremante importante e que tem acompanhado nosso trabalho de perto”, reforçou.
 
A composição do Conselho de Saúde é tripartite, sendo 16 pessoas entre titulares e suplentes. Deste total, 50% são usuários da Rede de Saúde; 25% trabalhadores da saúde; e 25% são prestadores de serviços e representantes dos gestores da Saúde. O órgão também tem como prerrogativa atuar na formulação de estratégias e no controle da execução da política de saúde, inclusive nos aspectos econômicos e financeiros, bem como para acompanhar e fiscalizar o funcionamento do Sistema Único de Saúde (SUS).

Deixe seu Comentário

Leia Também