Envie seu vídeo(11) 97569-1373
Sintonize nossa Rádio101.5 FMClique e ouça ao vivo
Segunda 23 de Outubro de 2017

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 28 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 22/10/2017
mrv
Saúde

Hospital Municipal de Mogi recebe hoje selo de qualidade ONA2

Este é o segundo nível do selo de reconhecimento oferecido às unidades que comprovam a qualidade dos serviços

Por De Mogi11 SET 2017 - 23h00
Cerimônia de entrega acontece nesta terça-feiraFoto: Ney Sarmento - PMMC
O Hospital Municipal de Mogi das Cruzes conquistou a certificação "Acreditado Pleno", concedida pela Organização Nacional de Acreditação (ONA). Este é o segundo nível do selo de reconhecimento oferecido às unidades que comprovam a qualidade e a segurança dos serviços assistenciais prestados. A cerimônia de entrega da certificação ocorrerá nesta terça-feira, às 11 horas, no Theatro Vasques.
 
A ONA 2 - Acreditado Pleno somente é concedida ao hospital que atende aos critérios de segurança do paciente em todas as áreas, o que inclui aspectos estruturais e assistenciais, além da utilização de processos integrados e plena comunicação entre as atividades. “O Hospital Municipal conseguiu atender a todos estes requisitos, o que é motivo de muito orgulho para a nossa cidade”, comemora o prefeito Marcus Melo (PSDB).
Entre as vantagens para o paciente estão a assistência segura, a gestão integrada entre os setores, a melhoria nos processos e a melhoria contínua.
 
A assistência segura garante que o paciente receba o tratamento adequado, com a minimização dos riscos; a implementação de protocolos clínicos e de prevenção de doenças; e acompanhamento multidisciplinar. “A ONA 2 reforça que o Hospital Municipal oferece a qualidade dos cuidados assistenciais, como prevenção, tratamento e recuperação, para reduzir ou eliminar incidentes com potencial para causar danos ao paciente”, afirma o secretário de Saúde, Téo Cusatis.
 
A gestão integrada entre os setores é a interação entre os departamentos em busca de soluções para uma melhor prestação de serviços. Já a melhoria nos processos estabelece uma maior efetividade nos resultados por meio de controle de recursos humanos e materiais. E, por fim, a melhoria contínua determina o aperfeiçoamento frequente dos profissionais.
 
A implantação do sistema permanente de avaliação da qualidade dos serviços, que resultou nas certificações, teve início em 2014, com a criação do Núcleo de Qualidade e Segurança do Paciente (NQSP) no hospital. Em 2015, nove meses após iniciar as atividades, o Hospital Municipal obteve a certificação ONA 1 - Acreditado. A busca por um serviço de excelência teve sequência, primeiro com a renovação da certificação, em 2016 e, agora, com a conquista do segundo nível de acreditação. 
 
"A ONA 2 é resultado do trabalho da equipe de colaboradores do Hospital Municipal, da diretoria, do corpo clínico e da Secretaria Municipal Saúde. Todos estão comprometidos em garantir que o paciente receba atendimento ágil e eficiente", afirmou Aguinaldo Corrêa, diretor Operacional da Pró-Saúde Associação Beneficente de Assistência Social e Hospitalar, entidade que faz a gestão do hospital por meio de um contrato de gestão firmado com a Secretaria Municipal de Saúde.
 
"É uma evolução importante e confirma que nosso hospital garante a segurança do paciente considerando a estrutura física, os recursos humanos, os equipamentos, os fluxos de trabalho, os protocolos clínicos e registros ainda mais confiáveis", afirmou a gerente do NQSP, Érica Laurindo.
 
A certificação ONA 2 é válida por dois anos, mas o processo de avaliação e, consequentemente, implantação de melhorias é permanente. "Nosso compromisso é evoluir para a obtenção, em um futuro próximo, do Nível 3, a excelência em gestão", adiantou Corrêa.
 
Principal unidade do Sistema Integrado de Saúde (SIS), o Hospital Municipal, que fica no distrito de Braz Cubas, realiza atualmente uma média de 31,3 mil atendimentos por mês.

Leia Também

Últimas Notícias

Ver Últimas Notícias