sexta 12 de abril de 2024Logo Rede DS Comunicação

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 34,90 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 12/04/2024
Envie seu vídeo(11) 4745-6900
Região

Poá entrega smartphones para agentes comunitários de saúde

08 junho 2017 - 08h00

A Secretaria de Saúde de Poá em parceria com o Centro de Estudos e Pesquisas Doutor João Amorim (Cejam), entregou, ontem, smartphones para as agentes comunitárias do programa de Estratégia de Saúde da Família (ESF). Os aparelhos são de simples operação e substituirão todas as fichas impressas. O objetivo com a medida é ter um maior controle das informações de 7.903 famílias cadastradas, além de aumentar a produtividade e dar agilidade nas visitas domiciliares de aproximadamente 37 mil pessoas. Segundo o diretor técnico da Secretaria de Saúde, Walter Gilberto Guinger, os smartphones estarão conectados ao sistema de gerenciamento de informações da ESF - o SIAB Fácil -, onde os dados coletados pelas agentes comunitárias são sincronizados com um banco de dados, permitindo atualizar e monitorar as famílias acompanhadas. "É um marco para cidade. Algo extraordinário. Certamente uma medida que colocará Poá como referência. Essa nova era de inovação e tecnologia permitirá à Secretaria de Saúde entrar com ações estratégicas, sempre visando a melhoria no atendimento à população", comentou. Os aparelhos foram entregues para as agentes comunitárias das unidades de ESF Filomena Rosiela Guido (Madre Ângela e Jardim São José); Nelson Pozzani Filho (Vilas Varela e Lúcia); Água Vermelha - Jardim Emília (Jardim Emília); Sebastião Arrecignelli (Jardim Julieta); Doutor Murilo Mendes Soares (Vila Júlia). Nos próximos dias os profissionais da unidade Edvaldo Lupettis (Cidade Kemel) também serão contemplados. O secretário adjunto de Saúde, Almir Tavares, reforçou que a atenção básica merece um olhar especial. "É na Estratégia Saúde da Família que começa tudo. O contato direto do agente comunitário com as famílias contribui para um melhor serviço, além de contribuir para a prevenção de doenças e evitar um gasto maior para o município", afirma. "Fazer que o munícipe poaense tenha satisfação quanto ao atendimento é o grande objetivo. Queremos um trabalho de excelência, humanizado e transparente", completou.

Deixe seu Comentário

Leia Também