Envie seu vídeo(11) 97569-1373
Sintonize nossa Rádio101.5 FMClique e ouça ao vivo
Segunda 23 de Outubro de 2017

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 28 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 22/10/2017
mrv
Saúde

Gian Lopes pede a vice-governador ajuda para o Hospital Guido Guida em Poá

Durante o encontro o deputado e o prefeito expuseram a situação de Poá, que deixou de receber dinheiro do ISS

Por De Poá21 SET 2017 - 12h00
Prefeito, deputado e vice-prefeito se reuniram no Palácio dos Bandeirantes, com vice-governadorFoto: Divulgação
Poá pediu ajuda ao vice-governador Marcio França para a manutenção dos serviços do Hospital Municipal Guido Guida. A solicitação foi feita, no Palácio dos Bandeirantes, pelo prefeito da cidade, Gian Lopes (PR), o deputado estadual André do Prado (PR), e o vice-prefeito e secretário de Saúde, Marcos Ribeiro da Costa, o Marquinhos Indaiá. 
 
Durante o encontro o deputado e o prefeito expuseram a situação de Poá, que desde este mês deixou de receber o repasse do Imposto de Sobre Serviço (ISS) de transações financeiras. Segundo o prefeito, com a alteração na lei de repasse de ISS de transações bancárias, Poá deverá deixar de receber R$ 140 milhões, por ano, o que representa 40% de seu orçamento. "É uma medida extrema urgência esta ajuda do governo do Estado. Estamos trabalhando para readequar a administração municipal nesta nova realidade orçamentária do município", ressaltou o prefeito. 
 
"Nosso objetivo é sensibilizar o governo do Estado a nos ajudar a manter os serviços do hospital municipal, que atende poaenses e moradores de Suzano, Itaquaquecetuba, Ferraz de Vasconcelos e até da Capital", disse o deputado. 
 
Por ano, o Hospital Guido Guida realiza em média 150 mil atendimentos, nas especialidades de maternidade e urgência e emergência. 
 
Para André, a situação é de urgência. "A contribuição do Estado é fundamental para que os serviços do hospital permaneçam sendo feito. Infelizmente, a Prefeitura não tem condições de arcar com os custos. Por isso, pedimos a intermediação do vice-governador a nos ajudar com esta questão junto ao governador Geraldo Alckmin (PSDB)", completou.
 
O vice-governador, Marcio França, disse que está à disposição da cidade para ajudar a enfrentar este momento deliciado. "Tenha a certeza que farei o possível para ajudar Poá. É uma questão muito difícil, de uma hora para outra, perde quase a metade de seu orçamento. Isso compromete vários projetos e serviços em andamento",
argumentou França. 
 
Mais cedo, o deputado com o prefeito e o vice-prefeito estiveram com o secretário-chefe da Casa Civil, Samuel Moreira, para conversar a respeito do hospital. 

Leia Também

Últimas Notícias

Ver Últimas Notícias