Envie seu vídeo(11) 97569-1373
Sintonize nossa Rádio101.5 FMClique e ouça ao vivo
Quarta 13 de Dezembro de 2017

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 28 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 13/12/2017
mrv
Ação social

Policiais do 1º DP de Itaquá distribuem brinquedos e entregam doação de alimentos à Apae

Pelo menos 120 brinquedos - carrinhos, bolas, bonecas, entre outros - e 600 quilos em alimentos perecíveis foram entregues

Por Marcus Pontes - de Itaquá11 OUT 2017 - 15h24
Policiais arrecadaram 120 brinquedos e entregaram à crianças da ApaeFoto: Polícia Civil/Divulgação

O 1º Distrito Policial (DP) de Itaquaquecetuba realizou nesta quarta-feira (11) a entrega de 120 brinquedos e a doação de 600 quilos em alimentos perecíveis à Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (Apae) da cidade. Esta é a segunda ação beneficente que os agentes promovem na semana. A primeira ocorreu na segunda-feira (9), na Casa da Criança, onde foram entregues duas cadeiras de rodas e donativos. De acordo com o delegado Eliardo Amoroso, o objetivo principal destas atividades é o de levar alegria aos mais carentes, bem como estreitar o relacionamento da população com a polícia.

Amoroso diz que as duas ações sociais desta semana no município foram planejadas há poucos meses. Mas que as atividades beneficentes promovidas são realizadas anualmente, desde que assumiu a responsabilidade em chefiar o 1º DP, do Jardim Caiuby.

Segundo o delegado, a ação desenvolvida na Apae teve a colaboração de um empresário local, que doou 50 brinquedos. O restante foi comprado pelos próprios policiais. Eles fizeram uma espécie de ‘vaquinha solidária’ na delegacia. “Um empresário doou, mas eram poucos para tanta gente. A gente se juntou e comprou o restante. Estamos com a viatura repleta de brinquedos. Eles irão gostar, quando chegarmos”, disse Eliardo.

Para Amoroso, o gesto em doar e dedicar um tempo às crianças mais carentes traz duas coisas que toda a população tem clamado nos últimos tempos: felicidade e paz. “O sorriso de uma criança vale todo o esforço. Além de querermos nos aproximar da população, a ação serve para nos ensinar. Gostamos de realizar ações deste tipo, porque eles precisam de carinho. Seja alguém com condições sociais não favoráveis ou com alguma condição física, que o impossibilite”.

Além disso, o delegado falou sobre a possibilidade de que, até o final do ano, outras ações sociais sejam promovidas em entidades que prestam trabalhos às pessoas mais carentes. “Nossa intenção é fazer outras até o final do ano. No ano passado, a gente fez na Casa da Criança, em alusão ao Natal. Um policial se vestiu de papai Noel. Foi algo que queremos repetir sempre”, finalizou.

Apae

Para quem desejar promover ações sociais ou doações, a Apae de Itaquá fica localizada na Rua Distrito Federal, 205, na Vila Ercília.

Leia Também

Últimas Notícias

Ver Últimas Notícias