quinta 22 de fevereiro de 2024Logo Rede DS Comunicação

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 34,90 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 22/02/2024
Envie seu vídeo(11) 4745-6900
Região

Prefeitos analisam ir à posse de Tarcísio e descartam na de Lula

Posses ocorrem no próximo dia 1º. Apenas Poá e Itaquá devem ter representantes em Brasília

18 dezembro 2022 - 18h00Por Fernando Barreto - da Região
A maioria dos prefeitos e deputados do Alto Tietê descartou a presença ou envio de representante para a posse do presidente eleito Luiz Inácio Lula da Silva no próximo dia 1º em Brasília. Mas estudam comparecer na de Tarcísio de Freitas, próximo governador de São Paulo.
 
O DS consultou as assessorias das prefeituras e dos deputados para saber sobre a presença nas posses. 
 
Entre os prefeitos, apenas Poá confirmou a participação na posse de Lula. Segundo informou a assessoria, o vice-prefeito Geraldo Pereira de Oliveira representará o município. Sobre a presença na posse do próximo governador, ainda não há uma decisão. 
 
Sobre as eleições neste ano, a prefeita Marcia Bin, de Poá, disse que "espera que todas as obras e projetos municipais sigam com o apoio irrestrito no que tange ao Governo Federal".
 
"É importante ressaltar que a prioridade total é o interesse da população e espera o investimento necessário e realização de políticas públicas voltadas às famílias brasileiras", disse a prefeita sobre o futuro do governo Lula.
 
Itaquá também deve ter representantes nas duas posses, mas ainda não confirmou. "A Prefeitura de Itaquaquecetuba informa que o prefeito Eduardo Boigues está avaliando (a participação)", respondeu a assessoria sobre a presença.
 
Sobre as eleições, o prefeito ressaltou que a cada pleito as instituições e o processo democrático se consolidam mais no País e mandou um pedido ao futuro presidente. "Desejo que seja um governo com visão municipalista, ou seja, que pense nos municípios porque é onde o cidadão está", concluiu.
 
Em Ferraz a assessoria já descartou a presença, tanto da prefeita Priscila Gambale, quanto do deputado estadual e eleito federal Rodrigo Gambale (leia mais abaixo), na posse de Lula. Mas sobre a presença na posse de Tarcísio de Freitas, ambos estudam a possibilidade. "Ambos estão propícios a comparecer sim, mas ainda não veio um convite (de Tarcísio)", informou a assessoria.
 
Sobre o pleito deste ano a prefeita Gambale reforçou a necessidade de olhar para o futuro e não tanto para o passado. 
 
"Tivemos uma eleição polarizada entre dois grupos muito distintos, mas agora é hora de olhar para a frente, de pensar no país e no povo brasileiro, por isso desejo sorte e competência ao novo presidente e que ele tenha um olhar sensível com as necessidades dos municípios mais carentes como Ferraz", disse.
 
Outras prefeituras consultadas pelo DS descartaram a presença ou envio de representante à posse de Lula. 
 
Em Mogi das Cruzes segue indefinido, mas a presença na posse do presidente está praticamente descartada. Já na de Tarcísio há possibilidade. Sobre as eleições, Caio Cunha ressaltou a eleição de Lula de forma democrática e reforça o diálogo entre município e governo federal.
 
Santa Isabel também descartou presença mas diz que "estará na torcida para que o presidente eleito tenha sucesso na árdua missão de melhorar a vida do povo brasileiro". Sobre a presença de Tarcísio, a administração também estuda se irá. 
 
Por fim, Suzano e Guararema também descartaram presença na posse de Lula. Mas Ashiuchi está alinhando quem irá na posse de Tarcísio, candidato que apoio nas eleições. A Prefeitura vai divulgar um nome em breve.
 
Maioria dos deputados também descarta presença
 
A maioria dos deputados do Alto Tietê também descartaram presença na posse de Lula, mas estudam ir na de Tarcísio. O DS consultou as assessorias. 
 
Como citado na matéria acima, Rodrigo Gambale não irá em Brasília, mas quer estar na posse de Tarcísio de Freitas.
 
Já o deputado estadual reeleito Marcos Damásio também descartou participação na posse de Lula e na de Tarcísio, candidato que apoiou nas eleições.
 
Sobre o pleito deste ano, Damásio ressaltou que "transcorreu dentro da normalidade, obedecendo as regras democráticas do nosso País".
 
"Espero que a experiência do presidente Lula se faça presente na escolha de sua equipe de governo; que projetos sociais em benefício da população mais carente sejam valorizados; e que a geração de empregos e a retomada do crescimento econômico sejam prioridades no futuro governo", concluiu o deputado reeleito.
 
O deputado federal reeleito e ex-prefeito de Mogi, Marco Bertaiolli, não respondeu aos questionamentos do DS, mas a presença, em ambas as posses, não foi confirmada pela assessoria.

Deixe seu Comentário

Leia Também