Envie seu vídeo(11) 97569-1373
Sintonize nossa Rádio101.5 FMClique e ouça ao vivo
Sábado 21 de Outubro de 2017

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 28 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 20/10/2017
mrv

Sede do Polo Digital é inaugurada em Mogi das Cruzes

Local conta com café digital, coworking (espaço para empresas embrionárias), incubadora (dedicada startups em fase de crescimento) e uma arena de eventos com capacidade para até 50 pessoas

Por De Mogi26 SET 2017 - 17h57
Inauguração de unidade contou com a presença de autoridadesFoto: Ney Sarmento/PMMC

O prefeito de Mogi das Cruzes, Marcus Melo (PSDB), entregou, na manhã desta terça-feira (26), em Cezar de Souza, a sede do Polo Digital, um espaço especialmente idealizado para conectar empreendedores e incentivar talentos regionais a criarem empresas que impactem de forma positiva o Brasil e o mundo. O local conta com café digital, coworking (espaço para empresas embrionárias), incubadora (dedicada startups em fase de crescimento) e uma arena de eventos com capacidade para até 50 pessoas. A inauguraçãop contou com a presença de autoridades, empreendedores e da sociedade civil. 

“Este projeto nasceu de uma vontade da cidade. O Polo Digital tem como princípio apoiar os empreendedores. Criamos um ambiente favorável com as instalações necessárias para que as empresas tenham condições de nascer e se instalar em Mogi, criando riqueza para cidade como um todo”, disse o prefeito. A Prefeitura buscou a experiência de modelos em São Paulo e nos Estados Unidos, durante visita do prefeito em agosto.

A expectativa é de que Polo Digital traga novas oportunidades para a economia da cidade. “Mogi tem uma localização privilegiada e a presença de universidades bem consolidadas, o que poucas cidades possuem, além da qualidade de vida muito boa. A gente espera que em um futuro próximo, Mogi possa ser no Estado de São Paulo ou no Brasil, um local onde os empreendedores da área de tecnologia de grandes empresas possam ter a vontade, o desejo de se instalar”, disse o prefeito.

O programa está em atividade desde junho deste ano e conta com 648 membros inscritos. “Estamos com uma capacitação em andamento. São mais de 600 pessoas com interesses em comum. Esta atividade econômica voltada para a inovação já existe na cidade. No Polo, eles terão a oportunidade se conhecer e criar parcerias. Sabemos que grandes empresas como a Apple e Google nasceram desta forma”, disse o chefe do executivo.

O prefeito destacou ainda que um dos objetivos do Polo Digital é manter os talentos na cidade. “Quando o pessoal do Alto Tietê Valley nos procurou, o desejo dos jovens eram ficar na cidade. O Polo oferece oportunidades a esses jovens, possibilita que eles criem, mas também oferece o apoio necessário”, disse o prefeito. A Prefeitura está ampliando e estreitando o relacionamento com universidades e escolas técnicas e busca novas parcerias. O espaço do Polo Digital conta com o apoio da 76 Telecom, com a infraestrutura de internet, e a AGMC.

O vice-prefeito Juliano Abe também ressaltou a importãncia da iniciativa para a cidade. “Em apenas 9 meses, inauguramos um novo modelo para a economia de nossa cidade, um novo jeito de trabalhar o empreendedorismo e a geração e renda”, disse. Para o secretário de Desenvolvimento Econômico e Social, Sadao Sakai, Mogi será um polo de desenvolvimento. “O Polo Digital será uma referência não só para o Alto Tietê, mas para todo o Estado, transformando Mogi em um polo de inovação”, disse. O presidente da Câmara , Carlos Evaristo da Silva, representou a Casa de Leis, junto ao vereador Caio Cunha.

O coordenador do Polo Digital, Rodrigo Grazi, destacou que o programa contribui para a construção de melhores startups, um tipo de negócio que traz uma mudança de pensamento dos empreendedores. “A startup é mais que um tipo de empresa, é um jeito novo de pensar negócio. A primeira mudança que a gente tem de pensamento é que a forma atual que tem dado certo para construir isso é a colaborativa”, explicou.

No Polo Digital, os projetos poderão ser validados antes da instalação. “Os projetos tem que ser testados, não adianta pensar de forma isolada. É preciso validar o negócio”, disse. Para participar, empreendedores, pessoas com uma ideia ou aqueles que já têm sua startup podem se inscrever pelo site www.polodigital.pmmc.com.br.

Leia Também

Últimas Notícias

Ver Últimas Notícias