quinta 20 de junho de 2024Logo Rede DS Comunicação

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 34,90 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 20/06/2024
Envie seu vídeo(11) 4745-6900
Mogi das Cruzes

Visita monitorada deste sábado ao Parque Municipal tem inscrições abertas

Visita monitorada começa como uma palestra, na qual os participantes aprendem um pouco sobre a história do parque e da Serra do Itapeti

13 maio 2019 - 17h22Por de Mogi

A Secretaria Municipal do Verde e Meio Ambiente abriu, nesta segunda-feira (13), as inscrições para  a visita monitorada ao Parque Natural Municipal Francisco Affonso de Melo, que acontecerá no sábado (18), das 9 às 12 horas. O passeio é gratuito e os interessados podem fazer suas inscrições na Secretaria do Verde e Meio Ambiente, pelo telefone 4798-5962, e confirmar a presença. É necessário apresentar o comprovante da vacinação contra febre amarela no dia da visita.

A visita monitorada começa como uma palestra, na qual os participantes aprendem um pouco sobre a história do parque e da Serra do Itapeti – onde a reserva está localizada, em seu topo. E seguida, acontece a trilha, considerada de média complexidade e com cerca de 1,5 quilômetro de extensão. Acompanhadas de um guia, as pessoas podem observar espécies como saguis e admirar a vista do alto do parque, de onde é possível ver Mogi das Cruzes.

No dia da visita, a recomendação é para que os participantes utilizem calça comprida e calçados fechados e confortáveis. Além disso, é importante que o participante leve repelentes, protetor solar, lanche e água.

Com limite de 120 pessoas por dia, as visitas são gratuitas e proporcionam às pessoas a oportunidade de conhecer um local onde existem cerca de 300 espécies de aves identificadas, além de 40 tipos de mamíferos. O passeio pelo parque inclui uma visita á nascente modelo, instituída no Programa Município Verde Azul, e os visitantes poderão também experimentar uma água limpa da bica que é alimentada pelas nascentes. No caminho das Trilhas os monitores mostram aos visitantes o programa de reintrodução das orquídeas nativas e que são endêmicas da região.