quinta 13 de junho de 2024Logo Rede DS Comunicação

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 34,90 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 13/06/2024
Envie seu vídeo(11) 4745-6900
Cidades

Alagamento aumenta e Estrada da Duchen ‘desaparece’ no cenário

Estrada estava alagada e o volume da água, decorrente de fortes chuvas, impede a passagem de motoristas

04 junho 2019 - 23h23Por Isabelle Santini - de Suzano
O alagamento na Estrada da Duchen, na Vila Ipelândia, Distrito de Palmeiras, aumentou. As obras prometidas para tentar resolver o problema ainda não saíram do papel. Ontem, a estrada estava alagada e o volume da água, decorrente de fortes chuvas, impede a passagem de motoristas, pedestres e ciclistas na via.
 
Com o período de chuvas afetando a região, a represa Taiaçupeba, localizada próxima a estrada, encheu e acabou impossibilitando a passagem na via, prejudicando os usuários que dependem da estrada para se locomoverem. Sendo assim, carros de pequeno e grande porte não conseguem utilizar a estrada, já que o grande volume de água não permite. 
 
Como a estrada fica localizada às margens da represa, quando chove o trecho fica alagado e os moradores e usuários da estrada precisam de outra opção de locomoção para obterem acesso à Estrada da Duchen. Uma delas é a utilização da Estrada Keida Harada (antiga Estrada do Tijuco Preto). Porém, este percurso acrescenta oito quilômetros na viagem dos motoristas e o trecho não é asfaltado.
 
A estrada da Duchen possui cerca de sete quilômetros de extensão e permite acesso mais rápido e facilitado a bairros da região, como Vila Ipelândia, Recreio Santa Rita, Chácara Recreio Internacional e Chácara Duchen. 
As melhorias prometidas pelo governo estadual consistem em ser na infraestrutura do local, como alteamento por parte da pista, em trechos que alagam por causa das chuvas que afetam a região, recapeamento da via, já que passam ônibus do transporte municipal e também veículos de moradores. 
 
A Prefeitura de Suzano informou que o assunto ainda está sendo tratado com o DER e com o Departamento de Águas e Energia Elétrica (DAEE). A recuperação asfáltica da estrada deve ter um valor aproximado de R$5,9 milhões e o serviço terá duração de 18 meses.
 
Ainda de acordo com a Prefeitura, uma equipe técnica da Unidade de Planejamento e Assuntos Estratégicos (Upae) esteve na superintendência do DAEE em abril, solicitando a autorização para o DER atuar na estrada, fazendo a recuperação do piso e o alteamento de um trecho da Estrada do Duchen. Entretanto, a equipe do DAEE informou que está estudando a viabilidade de atender à solicitação. 
 
A administração municipal acredita que a obra é importante para a população da região de Palmeiras e vai garantir melhorias e avanços na mobilidade urbana de Suzano.

Deixe seu Comentário

Leia Também