quarta 21 de fevereiro de 2024Logo Rede DS Comunicação

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 34,90 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 21/02/2024
Envie seu vídeo(11) 4745-6900
Limpeza urbana

'Cata-Treco' fecha 2022 com mais de mil toneladas de materiais recolhidos

Projeto atendeu a 4.250 solicitações e aumentou a conscientização em relação ao descarte de materiais

30 janeiro 2023 - 13h30Por de Suzano

A parceria da Prefeitura de Suzano com os moradores da cidade garantiu a retirada de mais de mil toneladas de materiais por intermédio da Operação Cata-Treco no ano passado. Percorrendo os diferentes bairros do município, o projeto atendeu a 4.250 solicitações, aumentou a conscientização da população em relação ao descarte de materiais inservíveis e tem promovido a solidariedade pela participação de famílias cooperadas na reciclagem de produtos.

A iniciativa foi posta em prática em 2020, mas o primeiro ano completo do projeto aconteceu em 2021, período em que foram recolhidas três mil toneladas de materiais inservíveis. No comparativo com o ano de 2022, o percentual de redução dos entulhos nas ruas de Suzano foi de 66%, que incluiu madeiras, mesas, sofás, colchões, eletrodomésticos, isopor, vidro e óleo de cozinha armazenado em garrafas PET fechadas.

Segundo o secretário Alex Santos, essa queda reflete o sucesso da implantação do projeto e o trabalho de conscientização que tem sido feito junto aos suzanenses.

“Usamos as sugestões dos moradores para montar o nosso cronograma semanal e, em razão disso, os resultados têm sido positivos. Com os caminhões do Cata-Treco, contribuímos com os moradores para dar o melhor destino daqueles objetos que não possuem mais serventia, impedindo que parte deles seja jogado nas ruas e colaborando com a limpeza da cidade”, afirmou o chefe da pasta.

O secretário ainda destacou o caráter solidário da Operação Cata-Treco. Ele lembra que, com o “Cata-Treco Solidário”, as demandas recolhidas pelos caminhões são direcionadas à Central de Triagem do Jardim Colorado duas vezes por semana. “Tudo que é retirado das casas das pessoas passa pelo processo de triagem, prensa e venda do material reciclado. Metade do valor é destinado às 14 famílias cooperadas, que dependem unicamente deste serviço, e a outra será revertida em alimentos doados às ações do Fundo Social de Solidariedade”, explica.

Para que a iniciativa continue alcançando toda a população, a Secretaria de Governo mantém o esquema de trabalho cuja logística inclui a circulação de dois caminhões em determinados bairros por semana, com aviso prévio da programação (sete dias úteis, entre 8 e 17 horas), para que os moradores possam se organizar e deixar os materiais inservíveis fora de casa.

Quem desejar indicar uma localidade para ser contemplada com o serviço, pode participar de uma consulta pública promovida pela administração municipal. A população colabora com a construção de futuros itinerários por meio do formulário no link http://bit.ly/CTnoBairro, bastando preenchê-lo com dados pessoais, como nome e telefone, e indicar o bairro ou localidade que requer a visita dos caminhões.