sexta 19 de abril de 2024Logo Rede DS Comunicação

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 34,90 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 18/04/2024
Envie seu vídeo(11) 4745-6900
Embalagens

Cetesb aciona empresas para retirada de material químico na Estrada dos Fernandes

De acordo com os moradores, os tonéis foram despejados, na semana passada, por indivíduos que estavam em um caminhão

12 julho 2017 - 10h37Por Lucas Lima - De Suzano
A Companhia Ambiental do Estado de São Paulo (Cetesb) vistoriou ontem o local onde mais de 35 tambores com resíduos químicos foram despejados na Estrada dos Fernandes, altura do número 11.601, no bairro Sete Cruzes. O órgão acionou três empresas para remover os produtos. De acordo com os moradores, os tonéis foram despejados, na semana passada, por indivíduos que estavam em um caminhão. 
Dois técnicos da Cetesb estiveram ontem no local para acompanhar o início da retirada dos resíduos. As empresas levaram mais de 15 tambores em dois caminhões. A companhia esclareceu que estas empresas são responsáveis pelos tambores e não há qualquer indício ou evidência de que sejam responsáveis pelo descarte irregular. Os tambores foram utilizados indevidamente por outra empresa, que até o momento não foi identificada, para acondicionar os resíduos dispostos irregularmente no local. 
 
As embalagens dos tonéis despejados eram de 2008 e 2009. O engenheiro da companhia Paulo Garcia ressaltou que o caso é considerado como infração ambiental. Além disso, falou que a Cetesb junto com as empresas estão engajadas em descobrir os responsáveis pelo ato para atuá-los. "São muitos resíduos químicos dentro dos tambores. Logo que encontramos a situação pedimos apoio e acionamos as empresas indiretas, que eram responsáveis pelos tambores, mas que não são as autoras do crime. Agora é esperar para a empresa responsável pelo ato seja multada", explicou.
 
Enquanto a limpeza e varredura do solo são realizadas no local, os moradores próximos à área sofrem com o forte odor dos resíduos. Uma delas é a dona de casa Paula Gaudino de Oliveira, que disse ter ficado com a saúde prejudicada desde o dia em que os tambores foram despejados. "Cheiro muito ruim e que dá dor de cabeça a todo instante. Primeira vez que acontece isso na região. População não aguenta mais respirar esse ar intoxicado", argumentou.
 
 
Segundo o aposentado Valdimar Menezes, a situação é um desrespeito com a população e as áreas verdes. "Pessoas de outros lugares vem despejar aqui. Queria ver se fosse na cidade ou em frente à casa deles. Triste a situação, mas para o bem de todos os órgãos competentes já estão agindo",explicou.
O estudante Valdir Junior disse que deveria ocorrer mais fiscalização na região. "De resíduos químicos é a primeira vez que acontece, mas de descarte de lixo ou entulhos sempre tem. Um problema que deve ser olhado com mais atenção", completou.
 
A Secretaria de Meio Ambiente de Suzano informou que está em contato com a Cetesb e aguarda a análise do conteúdo dos tambores abandonados para destinação adequada sem riscos colaterais. Além disso, a pasta disse que todo e qualquer morador pode acionar tanto a Polícia Militar Ambiental no 4799-6427 ou na própria secretaria no 4745-2055 para reportar crimes ambientais cometidos. É garantido o anonimato da fonte. 
 
Além disso, a pasta informou que está recebendo e apurando queixas de crimes ambientais cometidos nas zonas urbana e rural do município. Em conjunto com a Controladoria Geral, a Secretaria de Segurança Cidadã e outros órgãos da administração municipal, estão sendo realizadas operações contra desmatamento, ocupação irregular, descarte inadequado de lixo e outras violações. 

Deixe seu Comentário

Leia Também