domingo 25 de fevereiro de 2024Logo Rede DS Comunicação

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 34,90 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 25/02/2024
Envie seu vídeo(11) 4745-6900
Cidades

Chuva intensa causa transtornos e alagamentos em 6 cidades da região

Queda de árvores, oscilações de energia e vítimas foram registradas nesta terça-feira (13)

14 dezembro 2022 - 10h00Por Ingrid Leone - de Suzano
A chuva intensa na manhã desta terça-feira (13) deixou árvores caídas, oscilações no fornecimento de energia elétrica e duas vítimas nas cidades do Alto Tietê.
 
Em Mogi das Cruzes, registraram queda de árvores no Parque Morumbi, estrada do Taboão, estrada do Beija-Flor e em Braz Cubas, na esquina entre as avenidas Francisco Ferreira Lopes e Saraiva. As equipes já atuaram em todos os locais, para a liberação das vias públicas.
 
Na estrada do Beija-Flor, as equipes também estiveram no local, fizeram a desobstrução da via e solicitaram apoio da EDP - companhia de energia elétrica que atende o Alto Tietê. No local, o tronco do eucalipto caído entrou em contato com a fiação elétrica.
 
A Avenida Francisco Ferreira Lopes teve, na loja de departamentos, Havan, a fachada danificada. De acordo com a Prefeitura, o material que se desprendeu da fachada atingiu três veículos e fez duas vítimas.
 
As pessoas foram socorridas pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e encaminhadas ao Hospital Luzia de Pinho Melo. Tiveram ferimentos leves e já estão medicadas.
 
A Defesa Civil do município averiguou as condições de segurança e estabilidade da fachada após o ocorrido e constatou que não há risco de queda no restante da estrutura.
 
Ainda no município, houve percalços na rua Casarejos. Em função de oscilações no fornecimento de energia elétrica, alguns semáforos da cidade ficaram inoperantes.
 
A Defesa Civil de Suzano também foi acionada. Atendeu a uma ocorrência de colapso de muro em uma área particular por causa da chuva na rua São Marcos, Vila Fátima, bairro do distrito de Palmeiras. Não houve feridos (Leia mais na Página 5).
 
A Defesa Civil de Ferraz de Vasconcelos registrou pontos de alagamentos, mas todos se dissiparam em pouco tempo sem prejuízo a imóveis.
 
Itaquaquecetuba teve queda de cinco árvores que já foram removidas pela Defesa Civil e pelo Corpo de Bombeiros, além alguns pontos de alagamento, mas sem obstrução no trânsito.
 
Poá teve somente pontos de lentidão na alça do viaduto em ambos os lados. Já Guararema alguns pontos onde houve queda de galhos e uma queda de árvore, sem vítimas e que já está sendo tratada com a EDP, responsável por fazer a retirada.
 
As cidades não tiveram pessoas desalojadas ou desabrigadas. Entre as cidades, Arujá não sofreu com as chuvas. 
 
As Prefeituras de Biritiba Mirim, Salesópolis e Santa Isabel não retornaram o contato.

Deixe seu Comentário

Leia Também