sábado 22 de junho de 2024Logo Rede DS Comunicação

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 34,90 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 22/06/2024
Envie seu vídeo(11) 4745-6900
Cidades

Comércio aposta em ‘CSI’ para aumentar segurança no Centro

Lojistas da Rua General Francisco Glicério afirmam que novas câmeras poderiam inibir os assaltantes

02 março 2019 - 23h15Por Dennis Maciel - de Suzano
Os comerciantes têm esperança de aumentar a segurança no Centro de Suzano com a Central de Segurança Integrada (CSI), prometida para abril. Serão 52 câmeras. Segundo eles, furtos são comuns na região, principalmente o período da noite costuma ser o mais perigoso. Eles afirmam que o maior problema da região é a falta de iluminação adequada e monitoramento. O projeto de instalação de novas câmeras de segurança na região animou os comerciantes.
 
De acordo com os comerciantes os problemas acontecem por conta da baixa iluminação e falta de policiamento. Eles afirmam que mesmo no período do dia o local tem se mostrado perigoso. Além dos problemas com furtos, brigas e acidentes de trânsito fazem parte da rotina de quem frequenta o local.
 
Para prevenir os assaltos os proprietários de alguns comércios instalaram câmeras de segurança dentro e fora dos estabelecimentos. Segundo eles, a medida tem inibido o número de furtos dentro dos comércios. Algumas lojas já possuem mais de 10 equipamentos espalhados pelo espaço.
 
A nova esperança para estes trabalhadores é a instalação das novas câmeras nas vias centrais, que fazem parte do projeto 'Central de Segurança Integrada' da Prefeitura. Os comerciantes afirmam que se um monitoramento correto for feitos, os problemas poderão diminuir.
 
A vendedora, Katia Candido, conta que lojas já chegaram a ser invadidas durante a noite. "Muitas lojas já foram invadidas durante a noite. É assustador. Instalamos câmeras para nos auxiliarem na identificação destes criminosos. Espero que o novo 'CSI' diminua os crimes da região", conta.
 
A lojista Nataly Almeida reclama que além dos assaltos, brigas e acidentes de trânsito incomodam os frequentadores da região. "As ruas movimentadas acabam gerando perigos para os pedestres, estamos cansado de tantos acidentes de carros. As câmeras precisam flagrar essas infrações de transito e punir os assaltantes", afirma.
 
A supervisora, Paula Roseline, conta que na loja em que trabalha várias câmeras foram instaladas para diminuir os roubos. "É uma maneira de inibir os assaltantes e identificá-los. As câmeras nas ruas irão aumentar a segurança das pessoas, ou pelo menos identificar os culpados", finaliza. 
 
Pedestres aprovam a instalação de novas câmeras
 
Moradores da região central de Suzano estão satisfeitos com a instalação de 24 câmeras de segurança nas vias públicas. A implantação faz parte da primeira fase do projeto 'Central de Segurança Integrada' (CSI), que iniciará suas operações em abril.

Os suzanenses esperam que a nova tecnologia auxilie no combate a violência e acidentes de trânsito. De acordo com a Prefeitura de Suzano, as câmeras do CSI estarão presentes nas regiões mais movimentadas da cidade. A unidade de monitoramento ficará no subsolo do Paço Municipal, e receberá imagens de um total de 52 equipamentos espalhados por todo o município.

A região central já recebeu novas câmeras nos cruzamentos da Rua Benjamin Constant, General Francisco Glicério, Avenida Armando de Salles de Oliveira, Dr. Prudente de Moraes, Rua Baruel, Avenida Antônio Marques Figueira, Avenida Senador Roberto Simonsen, Parque Max Feffer e Rua Nove de Julho.
Para o aposentado, José Donaldo, as novas câmeras irão facilitar a identificar criminosos e infratores de trânsito. "Por ser uma região muito movimentada, é importante que a Prefeitura mantenha uma vigilância constante do local. Acredito que o número de assaltos e acidentes possa até diminuir", afirma.

A estudante Caroline Alcântara, de 23 anos, conta que sua maior preocupação é com os acidentes.
"Frequento esta região todos os dias e já presenciei muitos acidentes de carros, espero que o monitoramento consiga identificar os infratores. As câmeras também devem inibir os ladrões", conta.
 
A aposentada Vanilda Santos também aprovou o novo projeto, afirmando que os crimes devem diminuir com a nova iniciativa da Prefeitura. O técnico em informática Hyslan Silva afirma que está esperançoso com o projeto. "O grande problema são os assaltos que acontecem durante a noite, acho que com as novas câmeras o problema pode diminuir", explica. 

De acordo com a Prefeitura de Suzano os próximos locais a serem contemplados serão o Paço Municipal; as avenidas Brasil, Jorge Bey Maluf, Francisco Marengo, Miguel Badra e Major Pinheiro Fróes; as ruas Campos Salles e Regina Cabalau Mendonça; as estradas Santa Mônica, Fazenda Viaduto, dos Fernandes, Governador Mário Covas e do Prejú; e a rodovia Índio Tibiriçá (SP-31).

"Atualmente, as obras do CSI estão na etapa de alvenaria, para dar início à instalação de mobiliário e equipamentos. 

Deixe seu Comentário

Leia Também