domingo 21 de abril de 2024Logo Rede DS Comunicação

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 34,90 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 21/04/2024
Envie seu vídeo(11) 4745-6900
Cidades

Comércio de Suzano poderá ficar aberto até as 22 horas para o Natal

06 dezembro 2016 - 07h00

Até o dia 31 deste mês, o comércio de Suzano poderá trabalhar até as 22 horas para as vendas de Natal. Isso é resultado de um acordo firmado entre o Sindicato do Comércio Varejista de Mogi das Cruzes e Região do Alto Tietê (Sincomércio) e o Sindicato dos Empregados no Comércio de Mogi das Cruzes e é válido para Suzano, Guararema, Biritiba Mirim, Salesópolis e Mogi. A informação foi divulgada ontem pela Associação Comercial e Empresarial (ACE) de Suzano que apoia o aumento do horário de funcionamento do comércio nesta época do ano para melhorar o movimento nas lojas da cidade. O acordo entre os sindicatos prevê também que o shopping da cidade pode manter as lojas abertas até às 23 horas. "Toda iniciativa que tenha como objetivo melhorar as vendas no Natal é bem vinda e a ACE de Suzano apoia", argumentou o presidente da entidade, Neder Romanos. Além do aumento do horário, Romanos disse que a Campanha de Natal da ACE de Suzano também é um fator positivo para o comércio da cidade. Neste ano, a instituição sorteará no dia 29 de dezembro, às 17 horas, um carro Up! zero quilômetro. Este é o prêmio principal da campanha de Natal deste ano que também presenteará os compradores do comércio da cidade com um Xbox 360, uma televisão de 40 polegadas, um celular Samsung e um notebook. Quem quiser concorrer a algum dos cinco prêmios da campanha de Natal da ACE de Suzano deve comprar alguma mercadoria nos estabelecimentos participantes e preencher o cupom. O presidente da ACE de Suzano, Neder Romanos, explicou que ainda dá tempo para outros comércios aderirem a campanha. "O empresário que tiver interesse em participar da nossa principal ação no ano pode ligar no 4744-8400 que a nossa equipe irá fornecer todas as informações para a adesão", adiantou.

Deixe seu Comentário

Leia Também