quinta 29 de fevereiro de 2024Logo Rede DS Comunicação

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 34,90 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 28/02/2024
Envie seu vídeo(11) 4745-6900
Cidades

Em 8 dias, chuvas deixam deslizamento, acidente e queda de árvores na região

Volume de chuva chegou até 25 milímetros, entre os dias 19 e 26 de dezembro, segundo levantamento

29 dezembro 2022 - 10h00Por Ingrid Leone - de Suzano
As últimas chuvas intensas, entre o dia 19 e 26 de dezembro, tiveram queda de árvores, acidente e chuva de até 25 milímetros.
 
Em Mogi das Cruzes, no dia 22 de dezembro, houve o deslizamento de um muro de arrimo (um apoio) e um operário que estava trabalhando no local morreu soterrado. O caso foi no cruzamento das ruas Ipiranga e Dr. Deodato Wertheimer, no Centro.
 
Os municípios de Itaquaquecetuba, Arujá e Guararema tiveram alguns pontos com queda de galhos e árvores, mas sem vítimas.
 
As prefeituras de Suzano, Ferraz e Poá não registraram acidentes.
 
VOLUME DE CHUVA
 
Em Itaquá, no período mencionado, o maior volume de chuva foi registrado neste domingo (25), com 25 milímetros. Suzano teve, nesta segunda-feira (26), 15 milímetros de pluviosidade.
 
Segundo apuração feita pelo Departamento de Águas e Energia Elétrica (DAEE), em Mogi, a maior incidência foi de 20 para 21 de dezembro, cerca de 9,2 milímetros.
 
Poá registrou, nesta segunda-feira (26), 8,6 milímetros. Em Ferraz de Vasconcelos, o dia mais chuvoso foi em 20 de dezembro, com 5,5 mm de chuva.
 
MONITORAMENTO 
 
A Prefeitura de Suzano segue com o monitoramento da Defesa Civil, principalmente nas 45 áreas de risco da cidade, ocorre durante o ano todo como forma de mitigar os efeitos das chuvas. Arujá segue com monitoramento diário.
 
Na primeira semana de janeiro, com histórico de chuvas e enchentes, as Prefeituras continuam com a Operação Chuva. A ação segue até março de 2023, com o trabalho de monitoramento da Defesa Civil nos municípios.
 
Prefeituras
 
As prefeituras de Santa Isabel, Biritiba Mirim e Salesópolis não retornaram o contato. 

Deixe seu Comentário

Leia Também