domingo 26 de maio de 2024Logo Rede DS Comunicação

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 34,90 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 26/05/2024
Envie seu vídeo(11) 4745-6900
Educação

Evento on-line apresenta o projeto 'Construindo Música'

Iniciativa será voltada para crianças de 4 e 5 anos de 22 escolas da rede municipal

08 maio 2024 - 19h00Por De Suzano

O projeto “Construindo Música” da Secretaria de Educação de Suzano foi apresentado na última terça-feira (07/05) durante evento on-line transmitido por meio do link www.youtube.com/watch?v=noXF8QCaduA. O pocket show mostrou de que forma a prática da musicalização poderá contribuir com ensinamentos aos alunos da rede municipal. A iniciativa será voltada para crianças de 4 e 5 anos de 22 escolas da rede municipal e já garantiu a primeira etapa de formação para 37 docentes, que já estão aplicando os ensinamentos em sala de aula.

A iniciativa reuniu em um estúdio especialmente preparado para a ocasião, com os instrumentos que serão utilizados na rotina escolar, as educadoras Flávia Maia, Carla Costa e Kell Ribeiro, que são responsáveis pela iniciativa. A divulgação ocorreu por meio do canal da editora “Evoluir”, que executará a proposta, e contou com a participação da coordenadora do setor de Programas, Projetos e Inovação da Secretaria Municipal de Educação, Sueli Stuchi. Também foi convidado a dar um depoimento o gerente da unidade de Suzano da empresa Indorama Ventures, Bruno Aquine de Souza, para representar a patrocinadora desta atividade.

Todos destacaram os objetivos desse projeto, que pretende utilizar a música como linguagem e ferramenta de aprendizagem, ampliando o conhecimento sobre a natureza e o mundo animal, além de reforçar a importância da preservação do meio ambiente com ensinamentos sobre como transformar objetos em instrumentos musicais. As educadoras também demonstraram como a música deverá ser trabalhada junto aos alunos, com incentivo às melodias que fazem alusão ao ambiente lúdico das crianças e aos sons que podem ser reproduzidos de maneira simples e didática.

A estratégia contempla a formação de educadores da rede municipal, que foi iniciada em 16 de abril, no Complexo Educacional e Cultural Mirambava, e deverá se estender até 20 de agosto, totalizando 30 horas de curso, que serão revertidos em 32 horas de ensinamentos aos alunos. O suporte ao aprendizado ainda será garantido com a distribuição de 30 kits chamados de “mini-bandinhas”, que traz instrumentos confeccionados especialmente para a educação infantil, e um guia de atividades práticas, além da distribuição de mil exemplares do livro “Todo Mundo Sente”, que contribui com a assimilação da didática proposta pela iniciativa.

Sueli pontuou que o projeto potencializa o aprendizado por meio da vivência musical. “Com empenho dos nossos educadores, vamos desenvolver um trabalho muito produtivo por meio de todas as etapas que estão sendo implementadas, desde a formação dos professores até a oferta de materiais e kits musicais, para promover uma iniciativa muito enriquecedora destinada à aprendizagem das nossas crianças”, frisou a coordenadora.

O gerente da Indorama Ventures afirmou que a empresa tem o objetivo de apoiar práticas educacionais e ambientais que possam gerar impacto positivo para o município.“Temos o propósito de encontrar maneiras de contribuir com a população que vive no entorno das nossas operações industriais. Por isso, ficamos entusiasmados em participar do projeto ‘Construindo Música’, refletindo por meio desta iniciativa o nosso compromisso com o envolvimento comunitário”, disse Bruno Aquine de Souza.

Por sua vez, o secretário Leandro Bassini declarou que o pocket show foi mais uma etapa associada à implementação do projeto. “Conforme foi demonstrado, o ‘Construindo Música’ se alinha à forma como trabalhamos o desenvolvimento infantil nas unidades escolares, a partir de uma educação integral que incentiva nossos alunos com propostas inovadoras de aprendizagem. As emoções estimuladas pela música aumentam o interesse das crianças pelos conceitos trabalhados em sala de aula”, enfatizou o chefe da pasta.

Deixe seu Comentário

Leia Também