sábado 24 de fevereiro de 2024Logo Rede DS Comunicação

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 34,90 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 24/02/2024
Envie seu vídeo(11) 4745-6900
Cidades

Formação especial é realizada no Dia dos Povos Indígenas

Ação teve como objetivo instruir sobre o acolhimento e acompanhamento adequado de crianças, adolescentes e suas famílias

19 abril 2023 - 22h50Por de Suzano
A Secretaria de Educação de Suzano em parceria com o Conselho Municipal de Promoção da Igualdade Racial (Compir) promoveram uma formação para articuladores comunitários do programa “Prevenir a Violência Escolar”. A atividade, realizada no Complexo Educacional e Cultural Mirambava, ocorreu em alusão ao Dia dos Povos Indígenas, celebrado nesta quarta-feira (19/04). A atividade contou com as presenças da cacica Jaqueline Haywã Pataxó e da socióloga e ativista do movimento indígena do ABC, Silvia Guayaná-Muiramomi.
 
Na ocasião, 57 articuladores comunitários participaram da ação, além de outros convidados. A temática, que abordou os povos indígenas a partir da representação de dois grupos em particular (Pataxó e Muiramomi), trouxe elementos da cultura destes povos, tradição e suas lutas, particularmente daqueles que vivem em contexto urbano.
 
A iniciativa é parte de uma série de encontros periódicos visando a melhor capacitação dos profissionais para atuarem no campo escolar. Além disso, as formações contínuas tem por objetivo preparar os articuladores comunitários a lidarem com questões complexas e diversas que podem envolver o atendimento às famílias supervisionadas pela rede municipal de ensino.
 
De acordo com o secretário de Educação, Leandro Bassini, este tipo de capacitação garante que os alunos direcionem seu foco nos estudos e no aprendizado. "Nosso objetivo é proporcionar um ambiente adequado de estudo para os nossos alunos, de modo em que eles sintam-se seguros e incentivados a aprender. Dessa forma, é possível desempenhar as atividades acadêmicas sem preocupações externas. Por meio dessas formações contínuas do programa Prevenir a Violência Escolar, nós reforçamos a luta contra o preconceito para que o ambiente nas escolas seja respeitoso e agradável”, disse o chefe da pasta.

Deixe seu Comentário

Leia Também