sexta 01 de março de 2024Logo Rede DS Comunicação

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 34,90 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 01/03/2024
Envie seu vídeo(11) 4745-6900
Cidades

Grupo de artistas visita Santa Maria e traz alegria e esperança

Criado em 2019 e composto por 20 mulheres que residem no Alto Tiet

16 dezembro 2022 - 14h00Por de Suzano

"É uma sensação única. As pessoas conseguem sorrir até com os olhos". Essa frase da coordenadora do Centro Cirúrgico do Hospital Santa Maria de Suzano resume, apropriadamente, o sentimento visto nos pacientes e colaboradores durante a visita do grupo de artistas Um Pedacinho do Amanhã, que percorreu as dependências da instituição levando alegria e esperança a quem quisesse uma mensagem de otimismo a partir do humor. Ela participa das atividades, sempre orgulhosa e entusiasmada. 

Criado em 2019 e composto por 20 mulheres que residem no Alto Tietê, o grupo se caracterizou com roupas natalinas e, seguindo as características do Doutores da Alegria, contribuiu - inclusive com música - para a recuperação dos pacientes, seguindo os protocolos da Comissão de Controle de Infecção Hospitalar (CCIH) mediante conceitos de acolhimento e humanização, diretrizes perenes do Hospital Santa Maria de Suzano.

A pandemia interrompeu as atividades da equipe, retomadas, plenamente, nesse ano, conforme constatou o paciente Flávio Rodrigues Amaral. O eletrotécnico e professor de música disse que "é uma iniciativa que ajuda muito no restabelecimento, inclusive por utilizar instrumentos musicais, mais um elemento de vibração positiva". A reação animada da filha Emilly, de 10 anos, contagiou a todos. Não demorou muito para a carismática menina ser o centro das atenções por alguns instantes, tirando fotos e já interagindo em redes sociais com as artistas.

A mesma sintonia que embalou ainda mais o primogênito Thomas Pierre, que acabara de vir à luz (saudável, ele nasceu no Hospital Santa Maria com 3,480 kg e 50 centímetros). "Os pacientes gostariam de estar em suas casas, e esses gestos trazem o aconchego do lar outra vez", afirmou a mãe e enfermeira Nayara Maximino, ao lado do companheiro Guilherme. 

A história de Um Pedacinho do Amanhã poderia ser a de milhões de pessoas que, de alguma maneira, foram impactadas pelo coronavírus. A advogada Larissa Ingrid Paiva Binner, 26 anos, perdeu o pai, aos 52 anos, vítima da pandemia. Uma das mais cativantes do time, ela explica que ajudar o próximo conforta a alma e se torna aliado poderoso para inevitáveis desafios vindouros; desafios cuja superação sempre terá um poderoso aliado: o sorriso.

 

Deixe seu Comentário

Leia Também