quinta 18 de abril de 2024Logo Rede DS Comunicação

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 34,90 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 18/04/2024
Envie seu vídeo(11) 4745-6900
Cidades

Obras de esgoto terão investimento de R$ 1 bilhão nas cidades da região

Do total, 80% será para sistemas de coleta e tratamento de esgoto. Investimento será para os próximos 30 anos

22 agosto 2017 - 09h32Por De Suzano
As cidades da região vão receber investimento de R$ 1 bilhão em obras e equipamentos nos próximos 30 anos. Do total, 80% será para sistemas de coleta e tratamento de esgoto. Parte dos investimentos já está em andamento e outros estão previstos para os próximos sete anos, segundo anunciaram os superintendentes das Unidades de Negócio Leste e Vale do Paraíba da Sabesp, Márcio Gonçalves de Oliveira e Fernando Lourenço.
 
As informações foram passadas em reunião na sede do Consórcio de Desenvolvimento dos Municípios do Alto Tietê (Condemat), na manhã de segunda-feira (21). Os dados foram apresentados aos prefeitos e integrantes da Frente Parlamentar em Apoio aos Municípios do Alto Tietê o plano de investimentos para ampliar a oferta de água e os serviços de coleta e tratamento de esgoto nas cidades da região. 
 
"Todos os municípios possuem relação com a Sabesp e muitos estão justamente na fase de renovação de contratos, o que vai possibilitar projetos de ampliação para melhorar o abastecimento de água e, principalmente, para ampliar os serviços de esgoto. Os prefeitos estiveram com o presidente da Sabesp (Jerson Kelman) no primeiro semestre e hoje recebemos os técnicos para uma apresentação detalhada da situação atual e dos investimentos previstos em cada cidade", ressalta Adriano Leite, presidente do Condemat. 
 
Dos investimentos anunciados pela Sabesp, mais de R$ 800 milhões são destinados para a coleta e tratamento do esgoto. De acordo com os representantes da estatal, a cobertura de água na região é de praticamente 100%, excetuando algumas áreas irregulares. Na parte de esgoto, por sua vez, a cobertura é próxima de 80%, sendo Itaquaquecetuba um dos municípios menos atendidos: 76% e 15% de tratamento.
 
"Esta reunião de trabalho foi importante porque pudemos atualizar o andamento de projetos essenciais para as cidades do Alto Tietê em relação às ampliações de abastecimento de água, coleta e tratamento de esgoto. Cidades, como Itaquaquecetuba e Guararema, prestes a terem seus contratos com a Sabesp renovados, devem ter os serviços expandidos nos próximos anos. Da mesma forma, a gente vê o quanto a Lei Específica do Alto Tietê Cabeceiras contribuiu para que municípios que estão com seus territórios em área de proteção ambiental pudessem estar na relação de investimentos da Sabesp", disse o deputado estadual André do Prado (PR), que coordenada a Frente Parlamentar do Alto Tietê.
 
A reunião com a equipe técnica da Sabesp foi acompanhada pelos prefeitos de Arujá, José Luiz Monteiro; Biritiba Mirim, Jarbas Aguiar; Guararema, Adriano Leite; Salesópolis, Vanderlei Gomes; Santa Isabel, Fábia Porto; Suzano, Rodrigo Ashiuchi; por representantes das prefeituras de Ferraz de Vasconcelos, Guarulhos, Itaquaquecetuba e Poá; e por representantes dos deputados estaduais Estevam Galvão de Oliveira, Luiz Carlos Gondim e Marcos Damásio.

Deixe seu Comentário

Leia Também