sexta 12 de abril de 2024Logo Rede DS Comunicação

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 34,90 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 12/04/2024
Envie seu vídeo(11) 4745-6900
Perigo no céu

Polícia Ambiental apreende 21 balões neste ano; são 61,54% a mais em relação a 2016

No ano passado, de janeiro a dezembro, as multas aplicadas a baloeiros ou responsáveis pela prática, totalizaram R$ 1,2 milhão

04 julho 2017 - 10h30Por Marcus Pontes - De Suzano

O número de apreensões de balões aumentou 61,54% nos seis primeiros meses deste ano, em relação ao mesmo período do ano passado. Os dados foram divulgados pela Polícia Militar Ambiental. São referentes às cidades de Ferraz de Vasconcelos, Mogi das Cruzes e Suzano. Segundo o delegado do Meio Ambiente, Plinio Tadeu de Andrade, a quantidade poderia ser maior se a população engaja-se em denunciar.

Em 2016, a região contabilizou, nos seis primeiros meses, a apreensão de 13 balões. Este ano, os dados computados subiram para 21, um aumento de 61,54%. Segundo a polícia, foram fechados três locais que fabricavam e armazenavam o material. No ano passado, de janeiro a dezembro, as multas aplicadas a baloeiros ou responsáveis pela prática, totalizaram R$ 1,2 milhão.

O Corpo de Bombeiros reforça que a prática seja denunciada, ainda mais no período de festas juninas, onde aproveitam a festividade para soltar os artefatos. O ato de fabricar ou soltar balão é crime ambiental, com pena de até três anos e pagamento de multa.

Para Plinio, a época é propícia para o aparecimento de balões na região. Ele, sobretudo, afirmou que o crime tem sido combatido pelas Polícias Civil e Militar. Disse ainda a necessidade de haver mais denúncias para coibir este tipo de delito, já que a prisão é apenas efetuada no momento que o responsável por soltar o artefato é flagrado. 

Deixe seu Comentário

Leia Também