domingo 26 de maio de 2024Logo Rede DS Comunicação

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 34,90 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 26/05/2024
Envie seu vídeo(11) 4745-6900
Cidades

Principal acesso ao ABC e litoral, SP-31 está há 2 anos sem novos recursos

Departamento de Estradas de Rodagem informou que trabalha na duplicação e instalações de novos radares na pista

13 novembro 2022 - 12h00Por Guynever Maropo - de Suzano
A Rodovia Índio Tibiriçá (SP-31) está há dois anos sem receber investimentos. O último ocorreu em 2020, quando recebeu obras de recuperação da pista, com aplicação de microrrevestimento, em uma extensão total de 37,2 quilômetros ao longo de quatro municípios que ligam o Alto Tietê ao ABC Paulista.
 
O projeto foi orçado pelo governo de São Paulo, por meio do Departamento de Estradas de Rodagem (DER) e entregue em outubro de 2020. Foram investidos R$ 19 mi no empreendimento.
 
O DER também contratou o projeto executivo para a duplicação de 36 quilômetros de extensão da rodovia, trecho entre São Bernardo do Campo, Ribeirão Pires e Suzano.
 
Radares
 
O departamento informou que trabalha atualmente na licitação para a instalação de novos radares na SP-031. Para isto, segue os trâmites da lei, cumprindo os prazos regimentais previstos.
 
O projeto também incluiu nova sinalização, com tachões refletivos, e equipamentos de segurança como defensas e muretas de concreto. Foram construídas ainda três rotatórias, nos km 58,5, km 59,8 e km 60,8, e em todos estes pontos há acesso a bairros de Suzano. Entre o km 58,4 e o km 62,2 a pista foi dividida, sendo mantido um sentido para cada lado.
 
As medidas garantiram maior fluidez ao tráfego e diminuíram os riscos de acidentes em conversões proibidas. No trecho do km 68, localizado em Suzano, a pista foi alteada com o objetivo de evitar alagamentos e interrupções do tráfego em dias de fortes chuvas. As intervenções beneficiam 1,9 milhão de habitantes do entorno e mais de 16 mil motoristas que utilizam a via diariamente.

Deixe seu Comentário

Leia Também