terça 28 de maio de 2024Logo Rede DS Comunicação

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 34,90 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 28/05/2024
Envie seu vídeo(11) 4745-6900
Cidades

Procon de Suzano registra mais de 2,2 mil atendimentos no ano

Número é 33,86% do que a quantidade de acolhimentos em 2021; deste total, 1.775 casos se tornaram reclamações formais

03 janeiro 2023 - 10h00Por de Suzano
O Procon de Suzano realizou ao longo de 2022 diversas ações com o objetivo de orientar e defender os direitos das pessoas contra abusos nas relações de consumo. O órgão municipal registrou 2.249 atendimentos durante o ano, dos quais 73,29% (1.775) se tornaram reclamações formais contra fornecedores e prestadores de serviço. Além disso, 14,89% dos casos (335) foram solucionados no ato, ou seja, sem necessidade de abertura de processos. 
 
Entre as 15 empresas que mais foram alvo de queixas dos consumidores, oito são instituições financeiras, quatro operadoras de telefonia e três estabelecimentos de venda de varejo. No ano passado, o Procon realizou 1.680 acolhimentos, o que indica que em 2022 houve um aumento de 33,86%. 
 
Os tópicos mais predominantes são assuntos financeiros (394 em 2021 e 635 em 2022), telefonia (220 em 2021 e 309 em 2022) e produtos (436 em 2021 e 568 em 2022). Em 2021 foram sete instituições financeiras, quatro operadoras de telefonia, dois estabelecimentos de venda de varejo e duas agências de viagem. A “campeã” de reclamações, tanto em 2022 como no ano passado foi uma empresa de telefonia.
 
Muitas atividades relacionadas à prevenção foram desenvolvidas ao longo do ano, especialmente de conscientização e orientação sobre pesquisa de preço, política de trocas de produtos e dicas de segurança para compras on-line. Uma delas foi a panfletagem feita em março, na estação de trem de Suzano, em alusão à Semana do Consumidor. Na oportunidade, as equipes distribuíram materiais informativos e atenderam as pessoas que desejavam abrir reclamação formal. 
 
Outras ações realizadas nas datas comemorativas merecem destaque, como o primeiro Mutirão de Renegociação de Dívidas, em outubro. A iniciativa teve como objetivo viabilizar a regularização de débitos com cartão de crédito, cheque especial e empréstimos. Foram mais de 800 inscritos. Em novembro, mês em que ocorreu a Black Friday, o Procon visitou cerca de 50 estabelecimentos das principais vias do centro, como as ruas General Francisco Glicério e Benjamin Constant, e do Suzano Shopping.
 
O objetivo era verificar se algum dos produtos previamente verificados estava em desacordo com as pesquisas feitas pelo período de três meses antes, além de analisar ofertas e precificação.
 
“O trabalho do Procon busca cada vez mais melhorar a relação entre consumidor e fornecedor. Para tal, nosso trabalho é realizado incessantemente, principalmente nas datas comemorativas, época em que as pessoas podem ficar vulneráveis e cair em possíveis golpes”, disse a diretora da unidade, Daniela Itice. 

Deixe seu Comentário

Leia Também