quarta 21 de fevereiro de 2024Logo Rede DS Comunicação

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 34,90 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 21/02/2024
Envie seu vídeo(11) 4745-6900
Cidades

Profissionais da NotreDame dão dicas para aproveitar o Carnaval com saúde

Cuidados especiais com a saúde para que os dias de folia não se tornem motivo de transtornos

17 fevereiro 2023 - 11h00Por de Suzano

Aguardado por milhões de foliões dispostos a se divertir e espantar o estresse, o Carnaval também é uma data que exige cuidados especiais com a saúde para que os dias de folia não se tornem motivo de transtornos e, consequentemente, abalos na qualidade de vida.

Uma das principais preocupações deve ser com a alimentação, conforme explica a nutricionista Simone Batista dos Santos. Ela atua no Hospital Santana, pertencente à Hapvida NotreDame Intermédica, e dá dicas importantes para quem quer desfrutar dos dias de folga da melhor maneira possível.

Antes da diversão, orienta ela, é fundamental fazer uma refeição completa e balanceada, respeitando o que já acontece no cotidiano, sobretudo no café da manhã, para que o corpo suporte eventuais esforços acima daqueles verificados no dia a dia. "Sair em jejum, jamais", ressalta a especialista.

Evitar comidas gordurosas na festa e conhecer a procedência dos estabelecimentos podem evitar, literalmente, dores de cabeça em um futuro breve. O excesso de bebidas alcóolicas permanece como um dos maiores vilões nesta época. A recomendação, observa ela, é de ingerir água na mesma proporção da cerveja, por exemplo. Ou seja, para cada litro de cerveja, um litro de água.

Usar roupas leves e carregar frutas frescas de casa também ajudam bastante na prevenção à desidratação, vilã presente e perigosa nos festejos carnavalescos. Chegou em casa depois das comemorações? Opte por proteínas e alimentos pouco calóricos.

Médico experiente e diretor da Regional Alto Tietê da Hapvida NotreDame Intermédica, José Alfério Di Giaimo faz uma reflexão interessante: "As pessoas precisam entender que a vida existe durante e depois do Carnaval, e um comportamento inadequado, mesmo por curto período, pode acarretar consequências sérias para o resto da vida. Manter a ingestão correta dos remédios de rotina é essencial para a saúde".

Estar em dia com a vacinação - não só em relação à Covid - é ferramenta para manter o corpo saudável, assim como o repouso depois da programação carnavalesca. Ele ressalta que o coronavírus permanece causando atendimentos e internações hospitalares, razão pela qual os ambientes mais arejados, sem grandes aglomerações, sempre são ideais.

Aos mais animados, a mesma prescrição obrigatória, às vezes menosprezada: o uso de preservativos é o único caminho para prevenir as Infecções Sexualmente Transmissíveis (IST's).