Envie seu vídeo(11) 97569-1373
segunda 14 de outubro de 2019

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 28 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 11/10/2019
Secom Segurança
Villa Europa
CENTERPLEX 11/10 A 18/10
Suzano

Rodízio da vacinação contra a febre amarela reduz perda de doses em 90%

Com a medida, concentrando a oferta da vacina em até seis postos de saúde diferentes por dia, a demanda se diluiu e o aproveitamento aumentou

Por De Suzano15 JUN 2019 - 13h34
Medida envolve 18 unidades de saúde do municípioFoto: irineu Júnior - Secop

O rodízio de locais de imunização contra a febre amarela iniciado pela Secretaria de Saúde de Suzano em fevereiro deste ano reduziu em 90% a perda de doses da vacina. A medida envolve 18 unidades do município, que prestam atendimento ao público em dias úteis, de segunda a sexta-feira, das 8h30 às 15h30. Desde 2017, mais de 200 mil pessoas se vacinaram na cidade – 4,8 mil somente em 2019.

 

“A procura está pequena, principalmente em comparação a como estava no ano passado. As pessoas entenderam o que fizemos e a medida acabou dando certo, com uma diminuição considerável do desperdício”, disse a diretora de Vigilância em Saúde de Suzano, Maria Cristina Perin. Ela explicou que o frasco, após ser aberto, muitas vezes não é usado em sua totalidade e o prazo de validade é de seis horas. Com o rodízio, concentrando a oferta da vacina em até seis postos de saúde diferentes por dia, a demanda se diluiu e o aproveitamento aumentou.

 

Segundo ela, a medida foi baseada na experiência de outros municípios que tiveram essa iniciativa e conseguiram resultados positivos. Com cada frasco é possível imunizar dez pessoas com doses integrais. Ao todo, o sistema de rodízio envolve 18 Unidades Básicas de Saúde (UBSs) e de Saúde da Família (USFs).

 

A busca por doses foi intensa entre o final de 2017 e o início de 2018 e diminuiu ao longo dos meses seguintes, mas ainda se registra cidadãos que vão atrás da vacina. A Secretaria Municipal de Saúde informa que as pessoas que já se imunizaram não precisam procurar os postos. A vacina ainda é a melhor forma de prevenção contra a febre amarela, pois confere imunidade de 90% a 100% dos casos, e deve ser aplicada dez dias antes de viagens para regiões endêmicas. “E foi comprovado que ela ainda protege contra o vírus zika, transmitido pelo mosquito Aedes aegypti”, afirmou.

 

Não podem ser imunizados aqueles que já receberam a dose completa ou a fracionada nos últimos oito anos, gestantes, mulheres que estão amamentando, pacientes em tratamento contra câncer ou que estão com o sistema imunológico comprometido, bebês com menos de nove meses de idade e adultos com mais de 60 anos que não tiverem autorização médica.

 

QUADRO

 

Locais de vacinação contra a febre amarela

 

Segunda-feira

• UBS Prefeito Alberto Nunes Martins (CS II) – Centro

• UBS Professor João Olímpio Neto – Parque Residencial Casa Branca

• UBS Dr. André Cano Garcia – Cidade Boa Vista

• USF Eduardo Nakamura – Miguel Badra Baixo

• UBS Tabamarajoara

• USF Vereador Gregório Bonifácio da Silva – Vila Fátima

 

Terça-feira

• UBS José Mariano de Souza Coutinho Júnior – Jardim Colorado

• UBS Maria de Lourdes Cardozo Mathias – Jardim Vitória

• UBS Dr. Isaac Oguime – Parque Maria Helena

• USF Jardim Alterópolis

• UBS Palmeiras

• USF Maria José Lima Souza – Jardim Ikeda

 

Quarta-feira

• UBS Jardim Monte Cristo

• UBS Jardim Natal

• UBS Miguel Badra – Miguel Badra Alto

• USF Jardim São José

• USF Marcelino Maria Rodrigues – Jardim Brasil

 

Quinta-feira

• UBS Maria de Lourdes Cardozo Mathias – Jardim Vitória

• UBS Professor João Olímpio Neto – Parque Residencial Casa Branca

• UBS Dr. André Cano Garcia – Cidade Boa Vista

• USF Jardim Europa

• USF Maria José Lima Souza – Jardim Ikeda

 

Sexta-feira

• UBS José Mariano de Souza Coutinho Júnior – Jardim Colorado

• UBS Jardim Natal

• UBS Dr. Isaac Oguime – Parque Maria Helena

• UBS Palmeiras

 

Leia Também

Últimas Notícias

Ver Últimas Notícias