quinta 18 de abril de 2024Logo Rede DS Comunicação

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 34,90 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 18/04/2024
Envie seu vídeo(11) 4745-6900
Cidades

Secretaria de Educação vai avaliar nova base curricular de ensino

16 abril 2017 - 08h00

Profissionais e especialistas da Secretaria de Educação de Suzano deverão avaliar a nova base curricular de ensino, instituída pelo Ministério da Educação (MEC), que orienta o conteúdo ensinado nas escolas públicas e privadas do país. A medida prevê que as crianças sejam alfabetizadas até o 2º ano do ensino fundamental, aos 7 anos. O processo foi antecipado em um ano. Em Suzano, os alunos, em média, começam a ler entre os 8 e 9 anos. No município suzanense, os estudantes concluem o ciclo de alfabetização entre o 2º e o 3º ano do ensino fundamental. Isto é, entre os 8 e 9 anos de idade. Com a nova base curricular, o processo deverá ser adiantado em um ano, sendo concluído até 2º ano, aos 7 anos. Esta é a terceira e mais atualizada proposta, entregue pelo MEC ao Conselho Nacional de Educação. A medida será implantada em Suzano através de diálogo com a rede de profissionais, com grupos de estudo para debate e discussão. Hoje, a alfabetização nas escolas municipais são subsidiadas pelas Orientações Curriculares da rede, em consonância com as Diretrizes Curriculares Nacionais Gerais para a Educação Básica, a formação continuada em rede do Pacto Nacional pela Alfabetização na Idade Certa (PNAIC) e o acompanhamento e apoio nas unidades escolares. Além da mudança na meta de alfabetização, a nova base deixa o ensino religioso à decisão do Estado, municípios e escolas particulares. Os estudos de probabilidade e estatísticas também deverão ser ensinados a partir do 1º ano do ensino fundamental. A municipalidade acredita que toda mudança traz considerações, por isso o documento será avaliado pela secretaria de Educação suzanense. ESTADO As escolas estaduais já cumprem a nova meta de alfabetização aos 7 anos. Em São Paulo, 98,7% dos estudantes do 2º ano do Ensino Fundamental já sabem ler e escrever. A mudança ocorreu em 2013, após diagnósticos dos resultados do Sistema de Avaliação de Rendimento Escolar (Saresp). As provas, aplicadas anualmente a alunos do 3º, 5º e 7º ano do Fundamental e 3ª série do Médio, identificaram habilidades satisfatórias em leitura e escrita em crianças de 7 anos.

Deixe seu Comentário

Leia Também