terça 21 de maio de 2024Logo Rede DS Comunicação

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 34,90 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 21/05/2024
Envie seu vídeo(11) 4745-6900
Cidades

Suzano avança na criação de planos de Redução de Ruídos e de Áreas Livres

Projetos atingiram última fase e previsão é de que eles tenham seus resultados preliminares em setembro

07 maio 2024 - 23h00Por De Suzano

A Secretaria Municipal de Planejamento Urbano e Habitação avançou na elaboração de propostas para o Plano de Redução de Ruídos e Ilhas de Calor e para o Sistema de Áreas Livres e Verdes, desenvolvidos em parceria com a Universidade Presbiteriana Mackenzie. A equipe de professores e alunos envolvidos com as propostas para a Redução de Ruídos e Ilhas de Calor deu início à última fase de medições e a previsão é de que entre setembro e outubro deste ano já tenha resultados preliminares apresentados.

Os projetos, como os próprios nomes apontam, têm como objetivo reduzir os efeitos do clima e da propagação de barulho, melhor utilizar as áreas livres e verdes e aprimorar o sistema de drenagem articulando estas ações com outros planos já existentes, como o Cicloviário, elaborado em 2023. São importantes estudos sobre as ações a serem tomadas pela municipalidade por conta das transformações climáticas ocorridas ao longo dos anos, sendo os primeiros existentes com este tema na região.

A proposta voltada a diminuir o calor e os ruídos busca entender os impactos do processo de urbanização sobre o clima urbano e suas consequências para a saúde humana e o bem-estar dos cidadãos, assim como a sua consequência para as mudanças climáticas a fim de sugerir ações que, mediante o cenário atual, possam auxiliar na mitigação dos impactos da urbanização em cada um dos bairros. Além do aumento efetivo da arborização, outras ações poderão ser sugeridas como, por exemplo, a utilização de materiais alternativos na pavimentação das vias.

Uma das recomendações apontadas é a necessidade de criação de corredores verdes que liguem a região sul do município à várzea do rio Tietê, permitindo que o vento oriundo dessa parte da cidade permeie a área adensada, resultando na refrigeração do local. Além disso, outras recomendações são a manutenção ou aumento da vegetação também na porção sul de Suzano, garantindo a absorção de água e umidificação do solo, e a busca pela naturalização da Área de Preservação Permanente (APP) anexa ao ribeirão Chico da Vargem, para promover uma maior umidificação do ar na área urbanizada e não vegetada, considerando também a direção dos ventos juntamente com a criação de novos espaços de natureza que possam compor uma Infraestrutura Verde (IEV) para Suzano.

Por sua vez, as propostas para o Sistema de Áreas Verdes vêm com a perspectiva de formular estratégias de ocupação de espaços de lazer. Uma das inseridas neste contexto é o trabalho intitulado “O que tem atrás desse muro?”, que tem o objetivo de requalificar três espaços da cidade localizados nas imediações das escolas municipais Professor Oscar de Almeida Redondo, na Vila Urupês; José Braz Neto, no Jardim Quaresmeira II; e Odário Ferreira da Silva, no bairro Jardim Belém.

O secretário de Planejamento Urbano e Habitação, Elvis Vieira, explicou que os planos vão viabilizar o desenvolvimento da cidade em diversos aspectos. “São projetos para o futuro. Eles preparam a cidade para que ela cresça de forma organizada, garantindo a qualidade de vida dos nossos munícipes", afirmou.

Deixe seu Comentário

Leia Também