segunda 27 de maio de 2024Logo Rede DS Comunicação

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 34,90 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 26/05/2024
Envie seu vídeo(11) 4745-6900
Cidades

Suzano contabiliza mais de 1,3 mil lotes regularizados em 2022

Cerimônia oficializa 186 novas matrículas na Vila Fátima e na Vila Barros

20 dezembro 2022 - 20h55Por de Suzano
A Prefeitura de Suzano, por meio da Secretaria Municipal de Planejamento Urbano e Habitação, promoveu neste ano a regularização fundiária de 1.378 lotes com a entrega de 755 matrículas na cidade. O balanço foi apresentado nesta segunda-feira (19/12) durante cerimônia oficial no Teatro Municipal Dr. Armando de Ré. O encontro oficializou a entrega de mais 186 documentos a famílias da Vila Fátima e da Vila Barros.
 
De acordo com a pasta, em 2022 pelo menos quatro núcleos foram contemplados pela regularização de loteamentos, alcançando famílias da Vila Fátima (535 matrículas emitidas), da Vila Barros (116 matrículas emitidas) e do Jardim Belém (75 matrículas emitidas) por meio do programa estadual Cidade Legal. Já na iniciativa municipal, por meio do programa de Regularização Fundiária Urbana (Reurb), instituído pela Lei Municipal 337/2019, houve a entrega de 29 títulos na Vila Sônia Regina, localizada na região do Miguel Badra. 
 
O balanço da secretaria foi pontuado durante a entrega de 186 matrículas no Teatro Municipal Dr. Armando de Ré. A cerimônia contemplou 137 famílias da Vila Fátima e 49 da Vila Barros, sendo prestigiada pelo prefeito Rodrigo Ashiuchi. Na oportunidade, o chefe do Executivo pontuou a importância da conquista e da união dos moradores para o sucesso da atividade. 
 
“Esse grande avanço na Vila Fátima representa o desenvolvimento que queremos proporcionar à região de Palmeiras, com novos serviços e equipamentos, incluindo o novo terminal de ônibus. Na Vila Barros, a regularização também é um passo importante para dezenas de famílias que agora têm o direito à propriedade assegurado depois de anos de luta por moradia, um bem da família que garante mais tranquilidade a muitos pais e mães neste Natal. Tudo isso é fruto do trabalho sério da Prefeitura de Suzano em parceria com a população”, destacou.
 
Ashiuchi ainda reforçou o protagonismo da Câmara Municipal de Suzano neste processo, que na oportunidade esteve representada pelos vereadores Marcos Antônio dos Santos, o Maizena, e Antonio Rafael Morgado, o Professor Toninho Morgado. “O Legislativo tem papel determinante para o êxito dessas famílias, por meio da aprovação da lei que criou a Reurb, em 2019. Agradeço também, de maneira especial, os deputados André do Prado e Marcio Alvino que muito trabalharam para a ampliação do programa estadual ‘Cidade Legal’ em Suzano”. 
 
Já o secretário municipal de Planejamento Urbano e Habitação, Elvis Vieira, reforçou o empenho dos servidores da pasta nesta missão ao longo do ano. “Esse é o resultado de um longo caminho trilhado que se iniciou em 2017, com a elaboração do projeto de regularização fundiária e o apoio das secretarias, do gabinete do prefeito e da Câmara Municipal, além da dedicação diária dos técnicos da pasta”, disse ao agradecer também a participação do vice-prefeito e secretário municipal de Cultura, Walmir Pinto. 
 
Por fim, o diretor de Habitação, Miguel Reis Afonso, também pontuou a importância de cada etapa vencida até a entrega das matrículas. “Hoje é mais um marco para famílias que aguardam mais de 40 anos por este momento. A entrega do título representa a garantia da moradia, um direito social assegurado pela Constituição Federal”.