segunda 26 de fevereiro de 2024Logo Rede DS Comunicação

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 34,90 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 25/02/2024
Envie seu vídeo(11) 4745-6900
Fiscalização em Mogi

Fiscalização da Prefeitura de Mogi flagra terraplanagem em Quatinga

Responsáveis foram encaminhados para a delegacia que investiga crimes contra o Meio Ambiente

05 abril 2023 - 09h20Por De Mogi

Um trabalho conjunto de fiscalização realizado pela Prefeitura de Mogi das Cruzes flagrou uma movimentação de máquinas que realizavam ações de terraplanagem no loteamento Porto Belo, localizado na Estrada Taquarussu, em Quatinga. Os responsáveis foram encaminhados à Delegacia de Investigação de Infrações e Crimes contra o Meio Ambiente (DICMA) de Mogi das Cruzes, onde foi registrado boletim de ocorrência. 

O caso aconteceu na segunda-feira (3). Participaram da ação de fiscalização as Secretarias Municipais de Urbanismo, por meio do Departamento de Fiscalização de Obras Particulares, e de Segurança, com o apoio da Guarda Municipal e da Patrulha Rural. O grupo atendeu uma solicitação do Ministério Público e deu continuidade às fiscalizações do tipo, que são realizadas de forma contínua em todo o município.

O secretário municipal de Urbanismo, Claudio de Faria Rodrigues, lembra que a parceria entre a Prefeitura e o Ministério Público é fundamental para a realização de um bom trabalho de fiscalização: “Mogi das Cruzes possui um território extenso e temos a responsabilidade de zelar por um crescimento organizado e que siga a legislação. Nesse sentido, estamos sempre em contato com o MP e realizando ações conjuntas como a desta semana”, frisou.

Já o secretário municipal de Segurança, Toriel Sardinha, reforça que as ações de fiscalização dessa natureza fazem parte da rotina da Patrulha Rural e têm como objetivo garantir o cumprimento da legislação, impedindo o crescimento de loteamentos irregulares em Mogi das Cruzes: “Temos uma equipe preparada. É um trabalho permanente e novas fiscalizações serão realizadas sempre que houver necessidade, para se evitar o crescimento desordenado de nossa cidade”, comentou.

A população pode colaborar com o trabalho da Prefeitura. Denúncias sobre ocupações irregulares podem ser feitas pelo telefone 153.