quinta 22 de fevereiro de 2024Logo Rede DS Comunicação

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 34,90 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 22/02/2024
Envie seu vídeo(11) 4745-6900
Caso foi parar na delegacia

Pancadaria e quebra-quebra dentro do Hospital Regional de Ferraz termina com três detidos

Vídeos gravados dentro do hospital mostraram briga; pacientes saíram correndo durante a briga

06 março 2023 - 19h52Por De Ferraz

Dois homens, de 27 e 28 anos, foram presos e um adolescente, de 17, foi apreendido após uma briga ocorrida dentro do Hospital Regional de Ferraz de Vasconcelos na noite de domingo (05).

Segundo a Secretaria de Segurança Pública do Estado (SSP), policiais militares foram acionados para atender a ocorrência e foi constatado que os três detidos haviam danificado diversos itens e agredido um outro segurança.

Segundo relato de um segurança do hospital, os jovens invadiram o local, reclamando que dois conhecidos não haviam sido atendidos rapidamente. Em seguida, iniciaram uma confusão.

Um outro segurança foi agredido e necessitou de atendimento médico. Foram danificadas portas, vidros, uma corrente divisória, bem como outros itens do hospital. Os policiais compareceram ao local e detiveram os agressores.

A perícia foi acionada ao local dos fatos. O caso foi registrado como lesão corporal, dano, ameaça e corrupção de menores na Delegacia de Ferraz de Vasconcelos.

Em nota, a Secretaria de Estado da Saúde informou que a confusão ocorreu por conta de um paciente que foi atendido por profissional de clínica geral, recebeu medicação e, após retorno médico, recebeu todas as orientações pertinentes, tendo sido encaminhado para acompanhamento na Unidade Básica de Saúde (UBS).

A pasta acrescentou que o paciente em questão estava acompanhado por quatro pessoas que estavam alcoolizadas e iniciaram uma confusão por não quererem aguardar o atendimento de outros pacientes que já estavam no local. Inclusive, segundo a nota, houve agressão aos profissionais da unidade e dano ao patrimônio público.

A Secretaria de Saúde confirmou que a Polícia Militar foi acionada e, após a chegada dos agentes, a situação foi controlada. Na ocasião, a unidade realizou boletim de ocorrência e os atendimentos não foram prejudicados.

De acordo com a pasta, o Hospital Regional de Ferraz de Vasconcelos é referência para atendimento na região do Alto Tietê e, somente no domingo, dia da confusão, foram atendidos 693 pacientes, inclusive com a realização de diversos procedimentos cirúrgicos de urgência e emergência.