domingo 14 de abril de 2024Logo Rede DS Comunicação

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 34,90 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 14/04/2024
Envie seu vídeo(11) 4745-6900
Polícia

Quatro tabacarias são autuadas por irregularidades durante operação 'Fecha Bar' em Suzano

Atividade foi realizada, no final de semana, nos bairros do Jardim Varan, Cidade Boa Vista, Jardim São Bernardino e Miguel Badra

24 outubro 2017 - 17h03Por Lucas Alsil - de Suzano

Quatro tabacarias foram autuadas por irregulares administrativas durante a operação ‘Fecha Bar’, em Suzano. Destes, três foram fechados e um interditado. A atividade foi realizada, no final de semana, nos bairros do Jardim Varan, Cidade Boa Vista, Jardim São Bernardino e Miguel Badra. O balanço da ação foi divulgado nesta terça-feira (24).

O objetivo da ação era o de fiscalizar o funcionamento de tabacarias no lado norte suzanense. Segundo a Polícia, o consumo de derivados do tabaco, como narguilé, era feito de maneira descontrolada por adolescentes nestes locais.

De acordo com a nota enviada, os locais vistoriados também foram alvo de denúncias de consumo e tráfico de entorpecentes. Em uma das vistorias, a polícia recapturou um foragido da Justiça. Na operação, também foi registrado apreensões de entorpecentes.

Entre as ações, a polícia frisa uma atividade realizada no Boa Vista. Sete adolescentes foram encontrados numa festa consumindo narguilé e bebida alcoólica. Todos foram encaminhados à Delegacia Central. Somente foram liberados após a chegada dos pais. Além disso, a polícia levou três homens, depois de se identificarem como organizadores do evento. Segundo a Polícia, eles foram autuados por descumprirem o artigo 243 do Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA), referente ao uso de bebida alcoólica a menores.

No texto enviado pelo 32º BPM/M, a corporação também conta que em uma fiscalização, os policiais encontraram 28 porções de maconha e três pinos de cocaína. E que um foragido da Justiça foi recapturado.

A ação teve apoio da Força Tática, da Equipe do Canil da PM, da fiscalização da Prefeitura de Suzano, do Conselho Tutelar e da Guarda Civil Metropolitana (GCM).