Envie seu vídeo(11) 97569-1373
sexta 26 de abril de 2019

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 28 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 25/04/2019
PMMC SEGURANÇA
Pmmc
Centerplex 25/04 a 01/04

Justiça Eleitoral de Poá inicia nesta quinta-feira cadastro da biometria no NAP

Eleitores da cidade devem fazer a biometria sob pena de ter o título eleitoral cancelado

Por de Poá10 ABR 2019 - 15h13
Horário de atendimento será o mesmo de funcionamento do NAP, das 8h30 às 17h, de segunda a sexta-feiraFoto: Flávio Aquino/Departamento de Comunicação de Poá
O Núcleo de Atendimento à População (NAP) de Poá recebe nesta quinta-feira (11) até o dia 10 de maio a equipe da Justiça Eleitoral (Zona 219ª), que realizará atendimento itinerante, já que a revisão de eleitorado com cadastramento biométrico é obrigatória na cidade. O horário de atendimento será o mesmo de funcionamento do NAP, das 8h30 às 17h, de segunda a sexta-feira. A unidade está instalada na Rua Vinte e Seis de Março, 72, na região central. 
 
O secretário de Indústria e Comércio, Ricardo Massa, responsável pelo NAP de Poá, disse que o trabalho em parceria com a Justiça Eleitoral é importante, já que é preciso conscientizar as pessoas para que se submetam ao cadastramento biométrico. “Os cidadãos devem fazer a biometria sob pena de ter o título eleitoral cancelado”, explicou.
 
Em todo o Estado, 478 cidades integram o Ciclo 2019/2020 da biometria obrigatória, planejado pelo Tribunal Regional Eleitoral de São Paulo (TRE-SP). Nas demais localidades, embora a biometria ainda não seja obrigatória, o TRE-SP recomenda que o eleitor se adiante e já compareça ao cartório ou posto, dado que em um momento posterior pode haver filas, com o aumento da procura. O procedimento, envolvendo a coleta das impressões digitais, fotografia e assinatura digitalizada, dura cerca de 15 minutos.
 
Documentos necessários
 
Para ser atendido, o eleitor deve levar: documento oficial de identificação (RG, carteira de trabalho, carteira profissional emitida por órgão criado por lei federal, certidão de nascimento ou de casamento); comprovante de residência (contas de água, luz, telefone, celular, bancárias, desde que contenham nome e endereço e sejam recentes com menos de três meses de emissão); e título eleitoral.
 
Biometria
 
A biometria é uma tecnologia que confere ainda mais segurança à identificação do eleitor no momento da votação. Acoplado à urna eletrônica, o leitor biométrico confirma a identidade de cada pessoa por meio das impressões digitais, armazenadas em um banco de dados da Justiça Eleitoral e transferidas para as urnas eletrônicas.

Leia Também

Últimas Notícias

Ver Últimas Notícias