segunda 15 de abril de 2024Logo Rede DS Comunicação

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 34,90 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 14/04/2024
Envie seu vídeo(11) 4745-6900
Ferraz

Filló escreve carta, relata rotina na prisão e diz que vai terminar dois livros

Ex-prefeito está preso há três meses, na Penitenciária Tremembé II

18 julho 2017 - 17h30Por Marcus Pontes - De Ferraz

O ex-prefeito Acir Santos Filló (sem partido) se manifestou por meio de uma carta que foi publicada pelo irmão em uma rede social. No documento, Filló fala sobre o dia-a-dia na Penitenciária Tremembé II. O então chefe-maior do governo ferrazense disse estar escrevendo dois livros, e que vai dar curso de oratória - as turmas estão esgotadas, segundo o ex-tucano. Destacou também que deverá sair o mais breve possível. 

A publicação foi feita na página pessoal do ex-prefeito. O depoimento têm mais de 3 mil palavras. Filló fala sobre o apoio da família e amigos. E questiona a prisão. “Não concordo com minha prisão preventiva, pois nunca fui condenado. Sou réu primário, e grande parte das denúncias é baseada em documentos falsos e acusações politiqueiras e absurdas. Mesmo assim, eu respeito à decisão judicial. Só não entendo e aceito”.

Apesar de estar preso há três meses, o ex-prefeito vê a situação como, segundo ele, “a maior experiência da minha vida”. Disse que levará grande aprendizado, sobretudo, em relação ao ter errado em associar-se a determinados políticos.

Filló está em uma parte específica para detentos, onde não fica com pessoas que cometeram crimes violentos, como roubos e homicídios. Por conta disto, ele expõe ser um diferencial para a mudança, já que não corre risco de morte. “Estou em um lugar onde há várias atividades esportivas e culturais. Aqui, 80% das pessoas trabalham, não existe qualquer tipo de droga. Rigor e seriedade absoluta”.

Também falou sobre o tratamento dado pelos funcionários da Penitenciária, bem como seu futuro, enquanto permanece preso na unidade prisional. Disse ainda estar escrevendo dois livros e que promoverá um curso de oratória. “Estou escrevendo dois livros. Irei dar um curso de oratória ‘como falar bem em público’, e as turmas estão lotadas. Faço curso de violão e participo de todas as atividades. Têm dois empresários de Ferraz com quem tenho boa amizade. Dou-me bem com todos aqui, pois são pessoas de bom nível cultural, apesar dos erros cometidos”.

No final do texto, o ex-prefeito enfatiza a maior experiência na vida dele. E agradeceu às pessoas que têm enviado cartas. Filló diz ainda que quando sair da prisão irá se ‘reinventar’. “Além dos livros, publicarei minha biografia contando minha história, e falando sobre os erros e acertos. Darei um testemunho da minha origem simples até a Prefeitura de Ferraz, bem como da experiência que estou vivendo.

Deixe seu Comentário

Leia Também